quinta-feira, 30 de maio de 2019

DEM INICIA OFENSIVA PARA SE AFASTAR DO RÓTULO DE CENTRÃO

A estratégia do DEM foi montada para reagir ao desgaste cada vez maior da imagem do bloco informal conhecido como Centrão, que reúne partidos como PP, PL (ex-PR), PRB, MDB e Solidariedade.
Sob o mote “O Brasil não pode parar”, a convenção do DEM, em Brasília, defenderá a agenda econômica com foco nas reformas da Previdência e tributária.
Mas, nos discursos, dirigentes da legenda manterão uma distância regulamentar do Centrão. A campanha para “desligar” o DEM do grupo também terá destaque nas redes sociais
Classificado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, como “velha política”, o Centrão foi alvo, no último domingo (26), de duras críticas durante manifestações pró-reformas.
O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), é visto como articulador político do grupo, que já impôs uma série de derrotas ao Palácio do Planalto. Ele foi homenageado nos protestos com um boneco inflável gigante.
“O Democratas nunca será Centrão”, disse o presidente do DEM, ACM Neto, logo após as mobilizações, há quatro dias, dando a senha para a reação do partido.
“Fiquei triste com os ataques a Maia. Houve exageros nas críticas”, acrescentou ACM Neto.
                                                                                                                              *RENOVA MÍDIA

  Clique aqui e participe do Grupo Outro Olhar Amargosa no WhatsApp

Curta nossa página no Facebook 👍🏻

Siga nosso Instragram 📷

0 comentários:

CURTA!