terça-feira, 31 de janeiro de 2023

MARINHO: ‘SEREI UM PRESIDENTE QUE VAI RESGATAR A ENVERGADURA DO SENADO’

Rogério Marinho (PL-RN), candidato à presidência do Senado, prometeu “resgatar o tamanho e a envergadura” da Casa. Se eleito, o parlamentar prometeu defender um legado “que é do povo brasileiro”, que, segundo ele, começou no governo Michel Temer, e continuou na gestão Jair Bolsonaro.

“Trata-se de um legado de transformações virtuosas na economia, que permitiram ao nosso país terminar 2022 em situação invejável, em relação aos outros países”, observou Marinho, durante um jantar em Brasília. O PL promoveu a cerimônia com a finalidade de conseguir votos para o congressista. A ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro compareceu ao encontro.

O senador constatou que “boa parte desse legado está em risco”. “Nós precisamos fazer o contraponto e moderar a avidez”, disse Rogério Marinho, cercado de aliados do partido. “No afã de impor a sua agenda, os que estão chegando ao governo querem destruir aquilo que foi feito de forma virtuosa.”

Entre os avanços que podem ser revertidos pela extrema esquerda, Marinho citou as reformas trabalhista e da previdência, além da autonomia do Banco Central e de marcos regulatórios, como o de saneamento e das ferrovias.

RUI COSTA TENTA EMPLACAR ESPOSA ENFERMEIRA EM TRIBUNAL DE CONTAS NA BAHIA

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, está articulando uma vaga no Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia para acomodar a sua mulher, Aline Peixoto. O órgão tem como função julgar as contas dos prefeitos dos municípios baianos.

Caso seja indicada para uma cadeira no Tribunal de Contas, Aline Peixoto terá um salário mensal de R$ 41,8 mil e poderá permanecer no cargo até a aposentadoria compulsória, aos 75 anos.

A mulher de Rui Costa é enfermeira, nunca disputou cargos eletivos e nos últimos oito anos atuou nas Voluntárias Sociais, entidade sem fins lucrativos tradicionalmente liderada pela primeira-dama do Estado. Rui Costa foi governador da Bahia de 2015 a 2022.

A vaga para o tribunal está aberta desde maio de 2022, quando o conselheiro Raimundo Moreira se aposentou.

A articulação em torno de Aline Peixoto ganhou força após o deputado estadual Alex Lima (PSB), aliado próximo a Rui Costa, desistir de concorrer à vaga para apoiar a ex-primeira-dama.

A desistência acontece seis dias depois de o deputado estadual se encontrar com Rui Costa, em Brasília. Na terça-feira 24, Lima foi para a capital federal, onde tomou café da manhã na casa do ministro e se reuniu com ele no Palácio do Planalto. A informação foi publicada nesta terça-feira, 31, pelo jornal Folha de S.Paulo.

O deputado afirmou ao jornal que declinou de sua candidatura ao perceber um “movimento silencioso” dos deputados estaduais em prol da indicação ex-primeira-dama para o Tribunal de Contas.

ABAIXO-ASSINADO CONTRA PACHECO PASSA DE 700 MIL ASSINATURAS

Um abaixo-assinado contra a reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD-MG) como presidente do Senado conseguiu reunir mais de 700 mil assinaturas.

A campanha diz que o parlamentar representa o presidente Lula e que, por esse motivo, ele não deve ser eleito pelos demais senadores para mais um período no comando da Casa Alta.

– Somos contra a reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD), pois ele se rendeu a Lula. Lula é Pacheco, Pacheco é Lula e o Brasil é #PachecoNão! – diz o anúncio.

A petição online também fala sobre o Senado ser a única Casa que pode fiscalizar o Supremo Tribunal Federal (STF). Pacheco tem em sua gaveta vários pedidos de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes.

– Um presidente que está com Lula está contra o Brasil. Senadores, pedimos, votem contra Rodrigo Pacheco! – diz o abaixo-assinado.

FUNCIONÁRIOS FAZEM PROTESTO E IMPEDEM SAÍDAS DO FERRY EM SALVADOR

As viagens do sistema ferry-boat foram suspensas na manhã desta terça-feira, 31, por um protesto de funcionários no Terminal de São Joaquim, em Salvador, após colegas serem agredidos por homens no Terminal de Bom Despacho, na Ilha de Itaparica. A reinvindicação é por mais segurança para trabalhar. Por conta do protesto, os ferries das 7h e 8h desta terça não saíram dos terminais.

 Em nota, a Internacional Travessias, que administra o ferry-boat, informou que o sistema tem segurança própria nos terminais. "A empresa tem equipe de segurança que atua dentro das instalações, ainda assim, devido ao número de pessoas em momentos de maior demanda, vem realizando esforços para ampliar a segurança nas áreas dos terminais, inclusive com solicitação formal junto à Polícia Militar, que nos atende, na medida das possibilidades, dentro da parceria existente", diz um trecho da nota.

No terminal de São Joaquim, funcionários participaram de uma assembleia para definir as próximas ações. A promessa foi de retomar a operação ainda no início da manhã desta terça. De acordo com a TV Itapoan/Record, em caso de falta de acordo com a concessionárias, os trabalhadores podem fazer uma paralisação por tempo indeterminado.

ENTENDA COMO SERÁ A ELEIÇÃO PARA PRESIDENTE DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Os 513 deputados federais eleitos no ano passado tomam posse e elegem o novo presidente da Câmara nesta quarta-feira (1º). Por enquanto, há dois candidatos ao comando da Casa: o atual presidente Arthur Lira (PP-AL) e o deputado eleito Chico Alencar (Psol-RJ). A eleição está marcada para começar às 16h30. Lira tem amplo favoritismo e seus aliados esperam que ele se reeleja com quase 90% dos votos. O atual presidente da Câmara conseguiu formar uma aliança com partidos da direita à esquerda para apoiar sua reeleição – incluindo o PT do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ainda é possível que haja outro candidato além de Lira e Alencar. As candidaturas podem ser registradas até as 15h30 desta quarta. Mas é improvável que haja algum concorrente com chance de vitória – se houver um terceiro postulante, será apenas para "marcar posição", como faz o Psol de Chico Alencar. Demais cargos da Mesa da Câmara serão escolhidos nos bastidores Além do presidente, haverá eleição para os outros cargos da Mesa Diretora da Câmara: os dois vice-presidentes, quatro secretários e seus quatro suplentes. Todos eles têm funções de direção dos trabalhos legislativos ou administrativos da Câmara. Tirando a presidência, deve haver mais disputa para os demais cargos da Mesa Diretora da Câmara. Mas isso tende a ocorrer nas negociações prévias, de bastidores, e não na votação em si no plenário. Às 14 horas, antes da eleição para presidente da Câmara, está agendada uma reunião de líderes dos partidos e blocos partidários em que os nomes para os demais cargos da Mesa devem ser escolhidos. Os blocos partidários serão formados nesta quarta e o seu tamanho é importante para definir qual cargo cada grupo terá direito a ocupar. Blocos maiores tendem a ficar com funções na Mesa mais importantes, por causa da regra da proporcionalidade de bancadas na composição do colegiado que vai dirigir a Casa. Em tese, pode haver candidatos para os demais cargos que não tenham sido escolhidos na reunião de líderes. Mas é improvável que um nome que não tenha sido acertado entre os líderes seja eleito no plenário. A eleição em si começa quando houver pelo menos 257 deputados no plenário. Será realizada numa urna eletrônica, que será programada para a escolha dos 11 cargos da Mesa Diretora. Cada deputado vota em todos os escolhidos de uma vez. Após os 513 deputados votarem, começa a apuração. O primeiro cargo a ter a contagem de votos é o de presidente da Câmara, seguido, respectivamente, pelos dois vice-presidentes, os quatro secretários e os quatro suplentes. Vence quem conquistar maioria absoluta dos votos. Se ninguém obtiver esse número, será realizado um segundo turno com os dois mais votados no primeiro. Os vencedores vão comandar a Casa por dois anos. Posse dos eleitos será pela manhã Antes da eleição interna da Câmara, os deputados eleitos em outubro tomam posse, iniciando a nova legislatura. A solenidade está agendada para começar às 10 horas. Quem conduz a posse e a eleição para a Mesa Diretora é o deputado eleito mais velho e que tenha tido mais mandatos como parlamentar da Câmara.

domingo, 29 de janeiro de 2023

ETERNOS AMANTES (TOSTA NETO)

Há tempos, Ricardinho trabalhava como representante comercial na região do Vale no estado baiano. Nas idas e vindas para o município de Santo Antônio, ele visualizou Renata enquanto atendia um cliente no Supermercado Santos. Inicialmente, o batom vermelho da jovem despertou a sua curiosidade: “Adoro quando as mulheres usam batom vermelho. A boca dela é atraente e o corpo ainda mais”. A partir daí, Ricardinho passou a observar atentamente a funcionária do Supermercado Santos.

Com o desenrolar do tempo, como havia reciprocidade no olhar, Ricardinho se aproximou da jovem para conversar:

– Olá! Bom dia.

– Olá! Bom dia!

– Sou representante comercial. Semanalmente, passo por aqui.

– Já percebi.

– Você começou a trabalhar aqui, há pouco tempo.

– Exato.

– Meu nome é Ricardo, mas pode me chamar de Ricardinho. Qual é o teu nome?

– Renata.

– Prazer, Renata!

– O prazer é todo meu!

– Depois continuaremos esta conversa.

– Combinado!

Ricardinho ficou animado com a receptividade de Renata. Na subsequente visita ao Supermercado Santos, o jovem propôs:

– Poderíamos conversar através do WhatsApp.

– Ótima ideia! Salve o meu número – Renata ditou o contato.

– Número salvo! Mais tarde, eu mando um oi.

– Fico no aguardo. Até logo.

– Até.

Ricardinho teve a sensação de que Renata o admirava, afinal, o olhar da garota era revelador: “Não é coisa de minha cabeça; ela olha para mim de forma direta. Tudo começa com o olhar. À noite, enviarei uma mensagem para ela”.

Ricardinho irradiava ansiedade. O dia se arrastou lentamente, apesar da intensidade do trabalho. Depois da labuta, “botou o pé na estrada”. Chegando em casa, tomou banho e deliciou um agradabilíssimo café. O coração estava acelerado. Entrou no WhatsApp:

# Olá, Renata! Boa noite. Aqui é o Ricardinho.

Sem delongas, ela respondeu:

# Olá, Ricardinho! Boa noite. Pensei que você tinha esquecido de mim.

# De jeito nenhum. (Emojis de coração)

# Como foi o teu dia de trabalho?

# Ótimo! E o teu?

# Tudo tranquilo.

# Graças a Deus.

# Ricardinho, onde você mora?

# Em Santa Maria.

# Joia.

# Você costuma sair à noite?

# Raramente. Minha cidade tem poucas opções de lazer.

# Qualquer dia, marcamos para dar uma volta.

# Combinado, Gato!

# Gato?

# Sim. (Emojis envergonhados)

As conversas no WhatsApp se tornaram frequentes. A cada bate-papo, a “temperatura” ficava cada vez mais quente. Renata se transformou numa figura totalmente erotizada. No Supermercado Santos, quando Ricardinho se aproximava da jovem, seu corpo era dominado por uma energia cheia de excitação. De maneira discreta e tom de voz baixo, ele se dirigiu para Renata:

– Quero te ver hoje à noite!

– Ótimo!

– Não aguento mais esperar.

– Eu também não. Mais tarde, no WhatsApp, informo a você o horário e o local do nosso encontro.

– Fico no aguardo.

Noite estrelada. Vento frio. Rua deserta. As copas das árvores bloqueavam a luz dos postes. O ponteiro menor marcava 7 horas. Carro em marcha lenta. Vulto feminino. Porta aberta. Silêncio no automóvel. Olhares aflitos. O “gelo é quebrado”:

– Renata, enfim, estamos a sós.

– É verdade.

– Sem nervosismo. Fique à vontade!

– Está bem.

– Iremos para um lugar que não seremos incomodados. Apenas a lua e as estrelas serão testemunhas do nosso encontro.

O silêncio volta a imperar. A velocidade automotiva é elevada. Breves e longos minutos. Ricardinho estaciona:

– É aqui!

– Joia!

Ricardinho desce do carro, estica os braços e contempla a Lua Cheia.

– Renata, fiquemos aqui no banco de trás. É mais espaçoso.

– Está bem.

Sem delongas, os jovens se beijaram de forma sedenta. Enquanto beijava, Ricardinho pensou: “Ela beija muito bem, além de ser fogosa”. Prezado Leitor, felizmente ou infelizmente, não poderei continuar a narração; somente Ricardinho e Renata estão autorizados a contar o que aconteceu.

Doravante, de vez em quando, Ricardinho e Renata se encontravam. Segundo a jovem, ela não podia vê-lo toda semana para não gerar desconfiança em casa. Apesar da louca atração física, havia sentimento entre os dois amantes. A cada aventura, a química corporal ficava mais picante e harmônica. Literalmente, Ricardinho e Renata foram unidos pelo sexo.

Todavia, o casal não estava satisfeito com os encontros casuais. Ricardinho e Renata queriam mais; desejavam transar toda semana. Diariamente não era possível, porque o jovem morava em outra cidade. Às vezes, comentavam:

– Se pudéssemos, iríamos transar todos os dias.

– Concordo plenamente contigo, Meu Gostoso!

Enfim, chegaram ao consenso:

– Devemos namorar sério.

– Ricardinho, apareça lá em casa na próxima semana. Minha mãe aceitará o nosso relacionamento.

– Fico feliz, Meu Amor!

– Deus abençoará o nosso namoro.

– Amém!

– Amém!

Bem no início, Ricardinho e Renata estavam felizes diante da condição de namorados, mas o tempo é terrível, e arremessa contra tudo e contra todos o dardo do tédio. O casal em questão não sentia mais a alegria de outrora. O desânimo passou a ser a tônica do relacionamento, logo, o esforço de ambos não foi capaz de extinguir tal sensação. Após pouquíssimo tempo de namoro, os jovens decidiram pelo término. Nem o sexo teve a devida força para sustentar esse elo.

A propósito, Caro Leitor, lembranças fortes não podem ser apagadas; ficam “escondidas” nas profundezas da mente, mas sempre vêm à superfície. O pensamento de Ricardinho era atormentado pelas recordações das deliciosas noites de sexo com Renata: “Será que ela também está saudosa? Creio que sim, afinal, a nossa sintonia na cama era surreal. Amanhã, eu enviarei uma mensagem para Renata”.

# Bom dia, Renata. Sinceramente, eu não aguento mais.

# Bom dia, Ricardinho! Eu também não aguento mais.

# Ótimo!

# Hoje à noite: no mesmo horário e no mesmo local.

# Que maravilha! Vamos “matar” a saudade.

# Com certeza, Gato!

# Vamos transar bastante! (Emojis de fogo)

# Não vejo a hora. Vou te dar muito prazer.

# É o que eu mais quero.

Posterior ao reencontro, Ricardinho e Renata estavam regozijados. A felicidade emanava dos semblantes. O passado renasceu com mais intensidade e paixão. Os jovens tinham a convicção que aquilo que está dando certo não pode ser alterado. Escutemos Ricardinho e Renata:

– Renata, não devemos namorar sério. Não deu certo.

– Sem dúvida!

– Vamos nos ver como antigamente.

– O positivo é que ficaremos com muita saudade.

– Aí “matamos” essa saudade com um sexo bem gostoso.

– Adoro! – exclama Renata.

– Enfim, não somos namorados, mas seremos eternos amantes.

– É fato!

– Amantes para sempre!

– Amantes para sempre!

Ricardinho e Renata se beijaram novamente...

 

sexta-feira, 27 de janeiro de 2023

ASSALTANTES FORAM MORTOS EM CONFRONTO COM A PM NA REGIÃO DE ITATIM
Na noite desta quinta-feira (26), por volta das 23h30, três assaltantes que praticaram roubos no município de Castro Alves e fugiram em direção a Itatim, pela BA-493, num veículo GM, Agile, prata, placa PEV-1C98, foram mortos em confronto com policiais.
Segundo informações coletadas pela nossa equipe de reportagem, os policiais foram acionados através de um alerta geral após os crimes e foi montado um cerco com o acompanhamento tático por parte de uma guarnição de Santa Terezinha, tendo os delinquentes furado o primeiro bloqueio a tiros.
A guarnição de Itatim, então, também seguiu em acompanhamento na tentativa de abordagem aos marginais, que tomaram direção à BR-116, onde guarnições da CIPE Chapada, realizavam outro ponto de bloqueio e se depararam com os suspeitos em fuga, tendo estes reagido à tentativa de abordagem, confrontando os policiais, que prontamente responderam à ação e feriram os criminosos, que foram socorridos para o hospital de Itatim,  cuja equipe médica do Dr. Olmir Salmaria (CRM: 32779/BA) fez o atendimento, declarando que os mesmos já estavam em estado de óbito.
Os corpos foram encaminhados para o necrotério do hospital, onde aguardam remoção por prepostos do DPT de Itaberaba. Com os delinquentes, ainda não identificados, foram aprendidos uma pistola, dois revólveres, vários iPhones e outros materiais produtos de roubo.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2023

WHATSAPP LIBERA NO BRASIL ENVIO SIMULTÂNEO DE MENSAGENS PARA ATÉ 5 MIL PESSOAS


O WhatsApp começou a liberar nesta quinta-feira (26) no Brasil o "Comunidades", recurso que permite organizar vários grupos em estruturas maiores e enviar mensagens para até 5 mil pessoas.

A dinâmica esperada para Comunidades é que seja mais fácil a organização de discussões com muitas pessoas, como o próprio Meta exemplifica:

"Por exemplo, acreditamos que as Comunidades tornarão mais fácil para um diretor de escola reunir todos os pais e responsáveis para compartilhar avisos importantes e criar grupos para turmas específicas e atividades extracurriculares ou voluntárias", diz a empresa.

Neste exemplo podemos imaginar a escola como uma Comunidade e cada turma ou conjunto de pais, será um grupo, tendo o diretor de escola como Administrador de tudo isso.

Como criar uma Comunidade

O recurso ainda não está disponível para todos os usuários e segundo a Meta, será liberado gradualmente. Veja como criar:

  1. No Android vá em "Mais opções" (três pontinhos). Se você usa iPhone (iOS), toque em "Nova conversa";
  2. Toque em "Nova comunidade" (no iPhone, você ainda deve clicar em "Começar", depois);
  3. Adicione o nome da comunidade, a descrição e a foto de perfil;
  4. Toque no ícone de seta verde (no Android) ou em Seguinte (no iPhone) para adicionar grupos existentes ou criar um grupo.

Polêmica das eleições

Em agosto de 2022, o WhatsApp acatou a recomendação feita pelo Ministério Público Federal e confirmou que o recurso de Comunidades só ficaria disponível no Brasil em 2023. O órgão havia pedido para que a função só chegasse após as eleições visando impedir a propagação de fake news durante o período eleitoral.

A atualização do caso foi divulgada pelo próprio Ministério Público Federal, quando afirmou ter recebido um ofício do WhatsApp confirmando os pedidos realizados pelo órgão. De acordo com o aplicativo, tanto os recursos de Comunidades quanto o aumento do limite de usuários em grupos não estarão disponíveis para os brasileiros neste ano.

PL, PP E REPUBLICANOS FORMAM BLOCO PARA APOIAR CANDIDATURA DE MARINHO

O PL, o PP e o Republicanos formaram um bloco no Senado para apoiar a candidatura do senador Rogério Marinho (PL-RN) à presidência da Casa. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 26, pelo parlamentar. Marinho disputa o cargo com o atual presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e com o senador Eduardo Girão (Podemos-CE).

“O Presidente do PL, Valdemar Costa Neto, acertou com o Presidente do Republicanos, Marcos Pereira, e com a futura senadora e líder do PP, Tereza Cristina, a formalização de um bloco de apoio ao candidato do PL à presidência do Senado”, escreveu Marinho.

O anúncio oficial das legendas deve ser realizado na manhã do sábado 28, em Brasília. Nas redes sociais, o PL comunicou que Marinho busca o protagonismo político nessa nova eleição. “O bloco PL/PP/Republicanos dá musculatura política a Rogério Marinho, que deseja resgatar a independência e o protagonismo do Senado Federal, se eleito”, argumentou a legenda.

Atualmente, o PL conta com 13 senadores para a nova legislatura; o Republicanos, com quatro; e o PP tem seis congressistas, mas espera filiar mais um e ficar com sete. A eleição para a presidência da Casa ocorre na quarta-feira 1°, data que marca o início da 57ª legislatura do Senado.

*REVISTA OESTE

PROPOSTA PARA SUBSTITUIR FORÇA NACIONAL ESTÁ PRONTA, DIZ DINO

O governo Lula deve apresentar, nas próximas semanas, uma proposta para a criação de uma Guarda Nacional permanente. O objetivo é atuar em operações especiais, como em terras indígenas, e proteger os prédios federais de Brasília, no Distrito Federal (DF). A iniciativa substitui a Força Nacional.

“O presidente Lula acha que a Força Nacional, como algo temporário, não cumpre o papel adequado”, disse o ministro da Justiça, Flávio Dino, em entrevista à Empresa Brasil de Comunicação, na quinta-feira 25. “Ele próprio pediu a redação. Nós redigimos, está pronta. Será uma instituição dedicada à segurança das áreas cívicas, mas poderá atuar em áreas de fronteira, territórios indígenas e unidades de conservação.”

Conforme Dino, a guarda será parecida com a Força Nacional, mas com comando próprio. A proteção das áreas da União, como a Esplanada dos Ministérios, a Praça dos Três Poderes e residências oficiais passaria a ser atribuição da Guarda Nacional. O ministro descartou a possibilidade de federalizar a Segurança Pública do DF, que deve continuar sob o comando distrital.

O objetivo é que a corporação seja civil, mas ostensiva. O ingresso na tropa seria por meio de concurso próprio, diferentemente da Força Nacional que conta com policiais que atuam em diversas áreas do país.

“Vai que, em algum momento, haja um governador extremista no Distrito Federal”, disse Dino. “Então, a segurança do Congresso, do Supremo, do Palácio do Planalto, ficaria submetida aos problemas da política local? Não pode. E esse é um erro que agora o presidente Lula quer corrigir.”

*REVISTA OESTE

ABAIXO-ASSINADO CONTRA PACHECO PASSA DE 200 MIL ASSINATURAS

Um abaixo-assinado contra a reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD-MG) como presidente do Senado conseguiu reunir mais de 200 mil assinaturas em poucas horas de criação.

A campanha diz que o parlamentar representa o presidente Lula e que, por esse motivo, ele não deve ser eleito pelos demais senadores para mais um período no comando da Casa Alta.

 – Somos contra a reeleição de Rodrigo Pacheco (PSD) pois ele se rendeu a Lula. Lula é Pacheco, Pacheco é Lula e o Brasil é #PachecoNão! – diz o anúncio.

Petição contra reeleição de Rodrigo Pacheco Foto: Reprodução

A petição online também fala sobre o Senado ser a única Casa que pode fiscalizar o Supremo Tribunal Federal (STF). Pacheco tem em sua gaveta vários pedidos de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes.

– Um presidente que está com Lula está contra o Brasil. Senadores, pedimos, votem contra Rodrigo Pacheco! – diz o abaixo-assinado.

POLÍCIA CIVIL REALIZA OPERAÇÃO E PRENDE INVESTIGADOS EM AMARGOSA

Em operação deflagrada pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (26),  foram cumpridos mandados de prisão de busca e apreensão na cidade de Amargosa, 

Denominada de Operação Gênesis I, a ação policial conseguiu prender quatro investigados. Eles são envolvidos com crimes distintos, como de tentativa de latrocínio, estelionato contra a pessoa idosa e violência doméstica,

A primeira ação foi realizada contra uma dupla apontada por tentar matar um comerciante em novembro do ano passado. “Eles perceberam que ele estava com uma quantia elevada, subtraíram do estabelecimento R$ 7 mil e ainda efetuaram disparos de arma de fogo contra a vítima. Com um deles, ainda foi encontrado um revólver calibre 32, sendo o criminoso também preso por posse ilegal de arma de fogo”, explicou o titular da DT/Amargosa, delegado Marcos Maia.

O segundo mandado cumprido da Operação Gênesis I foi contra um homem acusado de aplicar golpes em idosos. “O criminoso inicialmente vendia colchões às vítimas, quando então solicitava os dados pessoas e de conta corrente deles. A partir daí, ele realizava empréstimos e saques em instituições financeiras. O prejuízo causado aos cinco idosos já ultrapassa R$ 12 mil”, relatou o delegado.

Já o terceiro preso é um homem acusado de descumprir medida protetiva de urgência. Ele, que não aceita o fim do relacionamento, vinha reiteradamente perseguindo sua ex-esposa. “Visando resguardar a integridade física da vítima, solicitamos ao Judiciário o mandado de prisão, que foi expedido e cumprido”, finalizou o delegado. Todos os capturados passaram por exames de lesões corporais no Departamento de Polícia Técnica (DPT) e seguem custodiados à disposição da Justiça.

*Informações: Polícia Civil - Amargosa


BAHIA: CIDADE SE TORNOU ALVO DA JUSTIÇA PELA DESTINAÇÃO IRREGULAR DE LIXO

A cidade de Mucuri, no extremo-sul baiano, se tornou alvo da Justiça pela destinação irregular de lixo. O município descumpriu a recomendação do Ministério Público do Estado da Bahia e é obrigado a elaborar um Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) e realizar a gestão integrada dos resíduos sólidos.

Desde 2014, o MP vem acompanhando o problema. À época, o promotor Fábio Fernandes Corrêa moveu uma ação civil pública contra o Município e as empresas Construpolli Construtora e Incorporação LTDA e TRRR Saneamento e Gestão Ambiental LTDA. Um inquérito foi instaurado para apurar irregularidades na destinação do lixo. 

A Prefeitura informou que havia realizado o diagnóstico para a elaboração de um plano de saneamento, no entanto, um parecer técnico do Centro de Apoio às Promotorias de Meio Ambiente e Urbanismo (CEAMA) confirmou a inexistência de um PMSB e destacou que existem apenas planos setoriais de abastecimento de água e esgoto que não incluem distritos, localidades e moradias rurais do município.

Além da Prefeitura municipal, as empresas Construpolli Construtora e Incorporação LTDA e TRRR Saneamento e Gestão Ambiental LTDA, contratadas para coleta de lixo e de resíduos de saúde, foram acionadas. O promotor de Justiça Fábio Corrêa pontuou que a contratação é ilegal, já que não existem os planos municipais.

GOVERNO TRANSFERE MARCOLA DO PCC, PARA BRASÍLIA

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, anunciou que o traficante Marco Willians Herbas Camacho, conhecido como Marcola, foi transferido nesta quarta-feira (25) da Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia, para a Penitenciária Federal de Brasília, no Distrito Federal. Marcola é um dos líderes da facção Primeiro Comando da Capital (PCC).

A operação de transferência do traficante foi coordenada pela Secretaria de Políticas Penais do Ministério da Justiça e realizada durante a tarde, sob forte esquema de segurança. De acordo com o ministro, a transferência foi realizada para prevenir um “suposto plano de fuga ou resgate” de Marcola.

EXPLOSÃO EM PADARIA DEIXA 4 MORTOS NO INTERIOR DA BAHIA

Quatro pessoas da mesma família morreram na explosão de gás de botijão em uma padaria de Tanhaçu, no Sertão Produtivo, Sudoeste baiano. Segundo o Corpo de Bombeiros Militadas da Bahia (CBMBA), testemunhas disseram que as quatro vítimas estavam no imóvel no momento da explosão.

A suspeita que elas estavam no pavimento superior. A edificação abriga a padaria, uma loja de autopeças e a residência. 

 

Bombeiros militares do 7° GBM, em Vitória da Conquista, foram deslocados para o local e trabalharam no resgate dos corpos. O grupo segue o trabalho na área atingida com três viatura. (Atualizada 14:40)

quarta-feira, 25 de janeiro de 2023

Incêndio atinge Teatro Castro Alves em Salvador

O telhado do Teatro Castro Alves (TCA), localizado no bairro do Campo Grande, em Salvador, foi atingido por um incêndio que teve início da tarde desta quarta-feira (25). O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas ainda não há informações sobre a origem das chamas.

De acordo com a direção do TCA, até o momento não foi identificado fogo na área interna do equipamento. O foco externo já está sendo tratado pelos bombeiros, que estão no local com duas viaturas.

Imagens feitas nos arredores do TCA mostram a fumaça densa subindo. Pessoas que estavam dentro do teatro no momento foram evacuadas. Não há informações de feridos.

Bombeiros localizam corpo de menina desaparecida após acidente na Chapada Diamantina

O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) localizou, no início da tarde desta quarta-feira (25), o corpo da menina de 4 anos que estava desaparecida após um acidente veicular na BR 242, no trecho da Serra da Mangabeira e Oliveira dos Brejinhos, na Chapada Diamantina.

Na segunda-feira (23), uma carreta que transportava bobinas colidiu com um caminhão carregado de bois, onde estava a pequena Alecsandra Sophia Gonçalves Torres. Os dois veículos pegaram fogo.  Uma pessoa morreu e duas ficaram feridas. 

O corpo da criança foi encontrado pelas duas cadelas do Núcleo de Operações com Cães (NOC). O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado para os demais procedimentos legais.



terça-feira, 24 de janeiro de 2023

RUI COSTA DIZ QUE ABIN DEVE SER TRANSFERIDA DO GSI PARA A CASA CIVIL

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, disse que a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) deve sair do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e ir para a Casa Civil. A informação foi divulgada nesta terça-feira, 24, pelo portal Metrópoles.

"Estamos discutindo um novo formato de vínculos e fluxos para melhorar a qualidade da informação que o presidente recebe", disse ao portal.

Segundo o ministro, a saída da Abin do GSI vai acontecer nos próximos dias e a mudança vai ser anunciada em breve. "Estão sendo analisados modelos e estruturas e em breve será anunciada [a mudança]".

A medida é estudada pelo governo desde a transição. Além disso, os  atos golpistas de 8 de janeiro, porém, fizeram com que a pressão para 'desmilitarizar' o comando do órgão ressurgisse.


PETROBRAS AUMENTA PREÇO DA GASOLINA EM 7,5%

Petrobras anunciou nesta terça-feira, 24, que vai aumentar em 7,5% o preço da gasolina para as distribuidoras nas suas refinarias a partir de amanhã. O preço do combustível passará de R$ 3,08 para R$ 3,31 por litro, um aumento de R$ 0,23, informou a estatal.

A última vez que o combustível derivado do petróleo tinha sido reajustado foi em 6 de dezembro, quando sofreu uma redução de 6%.

Considerando a mistura obrigatória de 73% de gasolina e 27% de etanol anidro para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor será, em média, R$ 2,42 a cada litro vendido na bomba. O valor final repassado ao consumidor varia de acordo com os postos.

Considerando a mistura obrigatória de 73% de gasolina e 27% de etanol anidro para a composição da gasolina comercializada nos postos, a parcela da Petrobras no preço ao consumidor será, em média, R$ 2,42 a cada litro vendido na bomba. O valor final repassado ao consumidor varia de acordo com os postos.

A Petrobras adota como referência para os reajustes dos combustíveis o PPI (Preço de Paridade de Importação), que considera as variações do petróleo no mercado internacional, além da cotação do dólar.

CHAPA ÚNICA PARA UPB É REGISTRADA COM QUINHO (PSD), DE BELO CAMPO, COMO PRESIDENTE


Na tarde desta segunda-feira (23), a comissão eleitoral que conduz a eleição da União dos Municípios da Bahia (UPB) para o biênio 2023-2024 recebeu, na sede da instituição, o registro de uma única chapa para o pleito da Diretoria Executiva e Conselho Fiscal da entidade. Após o registo foi estabelecido o prazo de 48 horas para contestação e 72 horas para homologação.

 

“É um momento muito importante para a história da UPB. A chapa única tem todo o entusiasmo dos prefeitos e prefeitas. Eu tenho certeza absoluta que vai ser um fortalecimento muito grande para a nossa entidade. Logo estaremos realizando a eleição por aclamação e dando posse para que o candidato eleito possa continuar o trabalho na UPB”, avaliou o presidente da Comissão Eleitoral, prefeito Rogério Costa, de Santo Estevão, que estava acompanhado do prefeito Wekisley Teixeira, de Encruzilhada, também membro da comissão.

 

A Chapa “UPB Unida, Bahia Mais Forte” é composta por 17 prefeitos de diversas regiões do estado, sendo sete na diretoria e 10 no Conselho Fiscal. O prefeito de Belo Campo, Quinho (PSD), encabeça a chapa e fala da importância da união municipalista para o sucesso das pautas defendidas pela UPB. “É um momento ímpar. Construir uma chapa única não é fácil, mas deu tudo certo e vou lutar para o desenvolvimento dos municípios baianos com apoio dos parceiros, prefeitos e prefeitas. Formamos uma chapa apartidária, que tem a maior participação de mulheres [cinco prefeitas]. Teremos um desafio grande nesse próximo biênio e quero iniciar e terminar o meu mandato unindo os gestores porque os prefeitos precisam de unidade para melhorar a vida dos seus munícipes”, afirmou Quinho.

O candidato também falou sobre dois assuntos que preocupam os municípios: a queda do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) em 101 prefeituras por conta da decisão do TCU com base no Censo inacabado do IBGE e o reajuste do piso do magistério, anunciado em Portaria nº 17, de 16 de janeiro de 2023, do MEC para 2023.

 

O candidato a vice-presidente, prefeito de Andaraí, e atual presidente da Federação dos Consórcios Públicos do Estado da Bahia (FECBAHIA), Wilson Cardoso, ressaltou a importância da atuação conjunta das duas instituições. “Tem um entendimento maravilhoso que começou com Zé Cocá [presidente da UPB] e fez com que fortalecesse ainda mais a federação e a UPB e agora, com a nossa chapa, existe essa mesma ideia e nós vamos caminhar de mãos dadas por um futuro melhor para a Bahia”, avaliou o prefeito.

 

STF É UMA AMEAÇA MAIOR QUE O 8 DE JANEIRO, DIZ WALL STREET JOURNAL

Um artigo publicado no Wall Street Journal (WSJ) criticou a atuação do Supremo Tribunal Federal (STF). Escrito pela jornalista Mary O’Grady, o texto afirma logo no subtítulo que o STF “é uma ameaça maior que o 8 de janeiro”.

“A Suprema Corte do Brasil está amordaçando seus críticos, congelando seus bens e até mesmo prendendo alguns, tudo sem o devido processo legal”, observa o texto, ao mencionar que a liberdade de expressão está em xeque.

Mary defende a punição para quem cometeu atos de vandalismo na Praça dos Três Poderes. A articulista, contudo, diz que “a liberdade não pode ser estrangulada”, durante esse processo de apuração dos responsáveis.

Adiante, a jornalista destaca o ministro Alexandre de Moraes como “o rosto da repressão à liberdade de expressão”. Ela menciona os mandados judiciais, expedidos pelo juiz do STF, contra um grupo de empresários que teceu elogios ao regime militar, em uma conversa de WhatsApp. “As autoridades congelaram as suas contas bancárias, intimaram os seus registos financeiros, telefônicos e digitais, e disseram às redes sociais para suspenderem contas”, lembrou Mary.

Também no texto, Mary cita as eleições no Brasil, um país que ela considera “dividido”. A articulista traz à tona os escândalos de corrupção montados pelo presidente Lula, a partir de 2007, e as condenações do petista e de seus aliados.

“Os brasileiros ficaram aliviados, acreditando que a justiça, mesmo para os poderosos, era finalmente possível”, escreveu Mary. “Eles estavam enganados. Em 2021, o STF anulou a condenação de Lula por um tecnicismo. Ele foi solto e liberado para concorrer à Presidência, embora nunca tenha sido absolvido. Ele derrotou Bolsonaro e assumiu o cargo em 1º de janeiro.”

O artigo acrescenta que “muitos brasileiros continuam a considerar Lula um ladrão que escapou da Justiça, porque o STF fez política”. “Em plataformas de notícias independentes, nas mídias sociais e em grupos de bate-papo privados, seus crimes continuam sendo um assunto polêmico”, observa Mary.

Após citar algumas resoluções de Moraes, na condição de presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), como o “combate à desinformação”, que ampliou os poderes da Corte, Mary afirma que os “exageros” desacreditaram o TSE e alimentaram “ainda mais as dúvidas sobre a justiça da eleição”. “No entanto, exibi-los é proibido”, diz Mary. “Quando o partido político de Bolsonaro apresentou contestações legais à contagem oficial de votos no segundo turno de 30 de outubro, elas foram sumariamente negadas. O tribunal eleitoral multou o partido em mais de US$ 4 milhões por fazer o recurso.”

Por fim, a articulista afirma que “o STF está inventando a lei à medida que avança. Se ninguém impedir, a confusão de 8 de janeiro será a menor das ameaças à liberdade enfrentada pelos brasileiros”.



sábado, 21 de janeiro de 2023

CURITIBA RECEBE PROJETO DE “CARRO VOADOR”
Curitiba será a primeira cidade da América Latina a testar o evetol, conhecido popularmente como “carro voador”. A iniciativa foi desenvolvida na China e já é testada em países como a Espanha, para fiscalização policial. Um termo de cooperação será assinado nos próximos dias, com a prefeitura de Curitiba, para realizar os voos sobre um lago da cidade.

A informação foi apurada pela BandNews FM com a AT Global, empresa carioca que traz o projeto ao sul do país. A expectativa é poder testar no Parque Barigui.

O CEO da empresa, Alexandre Daltro, destaca que a aeronave é elétrica e autônoma.

O Evetol foi desenvolvido pela fábrica chinesa Ehang. Depois do acordo com a cidade, o projeto depende de uma autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para dar início aos voos sem passageiros.

A capital paranaense foi escolhida após diversas classificações no ranking de Cidades Inteligentes, de acordo com Alexandre.

A longo prazo, o objetivo é promover o turismo de baixa altitude, com passeios de “carro voador” sobre Curitiba.

*Band FM Curitiba 

sexta-feira, 20 de janeiro de 2023

EIS A QUESTÃO: SER OU NÃO SER UM REVOLUCIONÁRIO? (TOSTA NETO)

Em Ratolândia, Tibério Cabral reinava envolto nos louros da estabilidade. Neste pacato reino localizado numa ilha do Pacífico, praticamente não havia oposição. Qualquer voz dissonante era calada com benesses advindas do Tesouro Real; se tal voz não aceitasse o silêncio, o rei utilizava o monopólio da força policial para aniquilá-la. Munido de uma natureza egocêntrica, Tibério Cabral não tolerava a presença oposicionista, pois acreditava que o seu governo era perfeito e imune a qualquer crítica. É válido salientar, que essa percepção doentia de déspota era corroborada no dia a dia por inúmeros bajuladores mantidos pela máquina estatal.

Apesar do poder grandioso da engrenagem real, de quando em vez, suscitava um lobo, ou melhor, um rato solitário opositor. Neste meandro, de forma paulatina, Ernesto Silva foi angariando visibilidade; jovem de família ilustre, achava-se predestinado a dissipar as desigualdades sociais no Reino dos Ratos. Seu sermão tinha como mote a revolução popular, a qual, levaria Ratolândia ao status de reino pautado no igualitarismo entre todos os ratos. Nas mesas de bar e sobretudo nas redes sociais, Ernesto Silva usava um discurso simplório, repetitivo e cheio de clichês, cujo teor foi rejeitado pelo povo e teve eco apenas entre alguns jovens de linhagem mais nobre.

Ernesto Silva acreditava piamente na ideologia que foi derrotada de maneira fragorosa na Guerra Fria. As ideias em questão eram sedutoras, porque estavam alicerçadas na defesa romântica da igualdade. Normalmente, para se promover, o ser humano se coloca como bastião dos oprimidos para angariar capital social, logo, com Ernesto Silva, essa máxima não seria diferente. O seu sonho era transformar Ratolândia numa ilha idílica do comunismo; eis um mero devaneio, afinal, as experiências socialistas desembocaram em regimes cruéis, opressores e fracassados. Todavia, a elite acadêmica e a grande mídia ignoram os horrores cometidos pelos ditadores comunistas no século XX.

As falácias de Ernesto Silva chegaram aos ouvidos de Tibério Cabral. O rei dos ratos sabia que tal ideologia não teria efeito prático, mas era imprescindível extirpar qualquer ideário paradoxal. Certo dia, Tibério Cabral intimou o jovem comunista para um diálogo no gabinete real e apresentou uma proposta de trabalho no Tesouro Real. Não obstante o afeto pela ideologia, Ernesto Silva tinha lá os seus sonhos materialistas, encarando o convite como um ensejo para crescer no âmbito financeiro. Sem delongas, aceitou sem ressalvas a proposta do rei; doravante, Ernesto Silva faria parte da corte real. Repentinamente, aquele jovem comunista olvidou toda a sua ideologia, transformando-se em um autêntico bajulador de Tibério Cabral.

Em Ratolândia, ninguém mais ouvia falar de igualdade social e muitos se perguntavam: onde está o Ernesto? Simplesmente, Ernesto Silva se locupletava no cargo burocrático de fiscal do Tesouro Real, por conseguinte, o embrião revolucionário foi ceifado pelas manobras de Tibério Cabral. Como membro da realeza, o ex-revolucionário negou a ideologia socialista de outrora; Ernesto Silva alegou que era adolescente e tinha sido seduzido por um ideário oco e sem aplicação prática. É perceptível que a utopia comunista morreu no coração de Ernesto Silva, portanto, ele não tinha mais a mínima dúvida sobre o seguinte questionamento: ser ou não ser um revolucionário?

(Tosta Neto, 20/01/2023)

 

CLIENTES DA AMERICANAS DEVEM FICAR COM MERCADO LIVRE, AMAZON, SHOPEE E OUTROS GIGANTES ONLINE

O espólio dos clientes da Americanas, que entrou com pedido recuperação judicial nesta quinta-feira (19) acumulando dívida superior a R$ 40 bilhões, deverá ser repartido entre as gigantes do comércio online: Mercado Livre, Amazon Brasil, Shopee e Magazine Luiza.

A absorção da clientela da varejista pelos concorrentes, segundo a percepção de indústrias que fornecem para Americanas e outras redes, já estaria acontecendo. De acordo com um fornecedor que não quis se identificar, o movimento ocorre por escolha do próprio consumidor, que não se sente seguro de comprar de uma empresa cujas notícias dizem que está quebrada.

Esse também o prognóstico dos analistas do Citi. Em relatório, o banco espera que a receita buta das vendas on-line (GMV, na sigla em inglês) da Magalu cresça 18%, seguido por Via (+15%) e Mercado Livre (+11%). Assim, em termos de participação de mercado, o Citi espera que, em 2023, Mercado Livre fique com 40,3%, Magalu 19,4%, Via 9,0% e outros 31,3%.

O potencial do concorrentes absorverem a fatia das Americanas no comércio online tem como referência o número de acessos do consumidor às plataformas. No último trimestre do ano passado, o Mercado Livre teve 335 milhões de acessos, em média, por mês e liderou a lista das lojas online mais procuradas pelos brasileiros. Isso é o que mostra um levantamento feito com base no ranking da consultoria Conversion, que reuniu as 30 lojas online mais acessadas no País.

Na sequência estão Amazon Brasil, com 169 milhões de acessos, Shopee (160 milhões) e Magazine Luiza (122 milhões). A Americanas ocupa o quinto lugar, com 109 milhões de acessos. Se for somada a Americanas as duas outras bandeiras de e-commerce do grupo, Submarino e Shoptime, a média de consultas mensais sobe para 138 milhões, superando o Magazine Luiza.

Concentração maior

Segundo o economista-chefe da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), Fabio Bentes, é um espólio considerável, que corresponde a quase 10% dos acessos feitos às 30 maiores companhias do e-commerce no período em análise. Ele destaca que essa é a primeira crise de uma grande varejista que acontece depois que o varejo online ganhou musculatura por causa da pandemia. “A tendência é de maior concentração no varejo online.”

Apesar da maior concentração, Bentes não aposta na elevação de preços dos produtos para o consumidor. Isso porque o comércio online é muito competitivo e uma fatia maior de mercado na mão de poucos não significa, necessariamente, pressão para elevar preços.

Também a crise na Americanas não deverá reverter, segundo o economista, a adesão às compras online. “O consumidor não vai mudar o hábito de comprar online porque a Americanas quebrou.”

*ESTADÃO

CURTA!