sexta-feira, 24 de maio de 2024

MORADORES DE AMARGOSA DENUNCIAM ABANDONO E FALTA DE MANUTENÇÃO NA RUA D

Os moradores da Rua D, no Loteamento Ribeiro, em Amargosa, estão reclamando do abandono e da falta de carpina na área. Durante o programa Amargosa Notícias, na Rádio Amargosa FM, uma moradora relatou ter encontrado duas cobras na última quinta-feira (24), destacando o perigo iminente para os residentes.

A moradora enfatizou que a rua está em estado de abandono pela Prefeitura de Amargosa, o que tem gerado preocupação entre os moradores. A presença de animais peçonhentos, como cobras, evidencia a necessidade urgente de manutenção e limpeza na região para garantir a segurança e bem-estar da comunidade.

Os residentes solicitam que as autoridades municipais tomem providências imediatas para resolver a situação, realizando a carpina e outras medidas de limpeza necessárias para evitar novos incidentes e melhorar as condições de vida na Rua D.

BOI AGITADO É VISTO EM AVENIDA NO CENTRO DE AMARGOSA


Na noite de ontem, quinta-feira (23), um boi foi avistado circulando na avenida de fronte da Praça Lourival Monte (Jardim) no município de Amargosa. De acordo com testemunhas, o animal estava agitado, representando um potencial perigo para as pessoas que estavam próximas.

O abandono de animais é considerado um crime ambiental segundo a Lei Federal 9.605 de 1998, que estabelece pena de 3 meses a 1 ano de detenção, além de aplicação de multa. Até o momento, não se sabe quais medidas foram tomadas pelas autoridades locais em relação ao incidente.

A presença de animais de grande porte em áreas urbanas sem supervisão pode causar acidentes e colocar a segurança pública em risco. A população é orientada a informar às autoridades competentes sobre qualquer situação similar para que providências sejam tomadas imediatamente.

PF DESMANTELA ESQUEMA DE FRAUDES EM LICITAÇÕES NA BAHIA COM OPERAÇÃO JERIMUM


Na manhã desta sexta-feira (24), a Polícia Federal deflagrou a Operação Jerimum, com o objetivo de desarticular um esquema criminoso especializado em fraudar licitações na Prefeitura Municipal de Jeremoabo. A operação visa contratos irregulares na área de transporte escolar, marcados por superfaturamento e desvio de recursos públicos.

O esquema envolvia o uso de "laranjas" como proprietários das empresas contratadas para ocultar o real beneficiário da fraude, além de alterações na razão social das empresas para disfarçar a continuidade das atividades criminosas. Novas empresas pertencentes ao mesmo grupo criminoso também eram incluídas para participar das licitações fraudulentas.

Mesmo com licitações realizadas por pregões eletrônicos, documentos e links necessários para a participação de outras empresas não eram disponibilizados adequadamente, restringindo a concorrência e gerando desclassificação das participantes.

Aproximadamente 30 policiais federais cumpriram seis mandados de busca e apreensão em Jeremoabo e Paulo Afonso, inclusive na Secretaria Municipal de Educação de Jeremoabo, para recolher evidências e identificar outros envolvidos ainda não descobertos.

A operação recebeu o nome "Jerimum" em referência à origem do nome do município Jeremoabo, que significa "plantação de abóboras" em Tupi. A Polícia Federal continuará as investigações para mensurar os prejuízos e identificar mais integrantes da organização criminosa.

quinta-feira, 23 de maio de 2024

BAHIA BATE O CRICIÚMA NO SUL E AVANÇA ÀS OITAVAS DA COPA DO BRASIL

Criciúma e Bahia se enfrentaram na noite desta quinta-feira, 23, no Estádio Heriberto Hülse, válido pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil 2024. No duelo de Tricolores, o Esquadrão de Aço suportou a pressão adversária e derrotou o Tigre por 2 a 0, com gols marcados por De Pena e Jean Lucas e avançou para as oitavas de final. 

Pela qualificação, o time azul, vermelho e branco faturou R$ 3,4 milhão de premiação. Agora, o Tricolor aguarda o sorteio da CBF para definição do adversário na próxima fase.

Criciúma pressiona, mas o Bahia leva perigo nos contra-ataques

Logo aos seis minutos, o primeiro ataque do Bahia. Jean Lucas recebe e bate para o gol sem perigo. No minuto seguinte, o Criciúma responde. Defesa do Esquadrão sai errado. Marquinhos Gabriel abre na direita para Fellipe Mateus. Ele finaliza, e Kanu manda para escanteio. Pressão do Tigre. Aos seis, Bolasie recebe pela esquerda, arruma espaço e bate fraco nas mãos de Marcos Felipe.

No minuto 16, Thaciano corre até a linha de fundo e ainda consegue a finalização. Gustavo se estica e manda a bola para escanteio. Aos 18, Cauly tabela, recebe na frente e chuta forte. A bola bate na marcação e é escanteio. 

Aos 27, quase o Bahia abre o placar. Contra-ataque rápido com troca de passes precisos. Thaciano abre na esquerda, para Cauly que chuta em cima do goleiro Gustavo. Em seguida, o Criciúma responde em velocidade. Bolasie recebe na esquerda e cruza. Vizeu finaliza e Marcos Felipe desvia pra fora. Após a cobrança de escanteio, a bola sobra com Claudinho. O lateral levanta na área, mas sem destino aos atacantes do Criciúma, e Marcos Felipe faz a defesa.

Fellipe Mateus cobra o escanteio e coloca a bola na área. A defesa do Bahia tira o perigo, mas a redonda sobra para Marquinhos Gabriel. Ele pega de primeira e finaliza para fora, aos 34. O Criciúma levou perigo aos 38. Marquinhos Gabriel, mesmo marcado, faz o lançamento para Wilker Ángel, que dá uma casquinha e manda fora. Aos 39, o Criciúma marca com o atacante Felipe Vizeu, mas a arbitragem aponta impedimento.

Bahia segura pressão adversária e mata o jogo no fim

Felipe Vizeu faz boa jogada de contra-ataque e passa para Marquinhos Gabriel. O camisa 10 demora a finalizar, cai no gramado e ainda estava em impedimento, logo aos sete.

Aos 12, lance duvidoso. Árbitro Rafael Claus marca pênalti a favor do Criciúma. De acordo com ele, bola bate no braço de Santiago Arias, mas o lance foi analisado e a penalidade anulada. 

Aos 16, contra-ataque rápido do Bahia. Rafael Ratão avança pela direita e cruza na área. Cauly finaliza rasteiro e Gustavo mais uma vez defende. 

Criciúma chega com perigo. Vizeu corre com a bola até a linha de fundo e passa para Ronald. Ele consegue finalizar, mas nas mãos de Marcos Felipe no minuto 23.

Aos 26, Marcos Felipe salvou a pátria do Tricolor de Aço. Ronald dá belo passe para Eder. Ele tenta driblar o arqueiro do Bahia que fecha o ângulo e evita o pior. Na sequência, Bolasie simula pênalti e Rafael Claus manda o jogo seguir.

Aos 43, o gol da classificação. Cauly inicia a jogada passando na esquerda para Biel. O camisa 11 domina, levanta a cabela e dá o passe pra dentro da área. A bola desvia na defesa e fica a feição de perna esquerda de Carlos de Pena, que finaliza no canto direito de Gustavo que nada pode fazer.

No minuto 47, o Esquadrão liquidou a parada. Lançamento de Biel na área, De Pena é decisivo ao dar uma assistência de cabeça. Jean Lucas dominou e soltou a pancada de pé direito para ir as redes.

Criciúma 0x0 Bahia - Copa do Brasil, 3ª fase - jogo de volta

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma-SC

Data: 23/05/2024 (quinta-feira)

Horário: 19h

Árbitro: Raphael Claus - FIFA (SP) 

Assistentes: Esdras Marcelo Carvalho Van Gasse e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Quarto árbitro:  Vinicius Goncalves Dias Araujo - (SP)

VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro - FIFA (RN)

Cartões Amarelos: Jean Lucas , Gabriel Xavier e Luciano Juba (BAH)

Gol:  Carlos De Pena e Jean Lucas (BAH)

Criciúma: Gustavo; Claudinho, Rodrigo, Wilker Ángel e Marcelo Hermes (Trauco); Meritão, Barreto (Matheusinho), Fellipe Mateus (Ronald) e Marquinhos Gabriel (Eder); Felipe Vizeu (Allano) e Bolasie. Técnico: Cláudio Tencati.


Bahia: Marcos Felipe; Santiago Arias, Gabriel Xavier, Kanu e Luciano Juba; Caio Alexandre (Rezende), Jean Lucas, Everton Ribeiro (De Pena) e Cauly (Estupiñan); Thaciano (Biel) e Rafael Ratão (Ademir). Técnico: Rogério Ceni. 

POLÍCIA PRENDE SEIS INTEGRANTES DA 'QUADRILHA DA TORNOZELEIRA ELETRÔNICA' EM SALVADOR


Seis integrantes da facção desarticulada pela Operação Hégira, coordenada pelo Departamento de Repressão e Combate à Corrupção, ao Crime Organizado e à Lavagem de Dinheiro (Draco), usavam tornozeleira eletrônica. Eles foram capturados na quarta-feira (22), em Salvador.

Os membros da facção foram colocados em liberdade por ordens da Justiça e continuavam repassando drogas e armas, além da articulação de homicídios, durante ataques a rivais.

O grupo de tornozelados era composto por quatro homens e duas mulheres. Os criminosos possuem passagens pela Polícia e estavam em liberdade, com a utilização de tornozeleira eletrônica.

No total, 20 integrantes da facção foram alcançados pela Operação Hégira.

*CORREIO

PRESIDENTE DA CÂMARA DE SAJ É INTERNADO APÓS SOFRER ASSALTO NA CAPITAL BAIANA

O presidente da Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, Francisco de Assis Lima Damasceno, Chico de Dega (MDB) está internado no Hospital Geral do Estado (HGE) nesta quinta-feira (23). Informações preliminares do Blog do Valente, relatam que o vereador sofreu um assalto em que teve o veículo roubado.

Em nota, a Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus informou que o presidente da Casa, conhecido como Chico de Dega, segue no HGE, mas não deu mais detalhes do quadro de saúde do edil. “Ele está sendo acompanhado pela equipe médica.


Aguardamos o boletim para maiores detalhes”, informou a Câmara. 

MÉDICO SE RECUSA A DAR ATESTADO A MÃE DE PACIENTE DE 5 ANOS: 'DEIXA ELE SOZINHO'

Um médico que se recusou a dar um atestado para a mãe de uma criança de 5 anos que estava doente foi afastado de um posto de saúde na cidade de Cambé, no Paraná. A discussão durante o atendimento foi filmada, e as imagens foram exibidas nesta quinta-feira (23) no Bora Brasil.  

Segundo o relato da mãe, ela levou o filho, que tem asma, com sintomas respiratórios e febre à Unidade de Pronto Atendimento (UPA). O médico prescreveu soro e antitérmico e liberou os dois. Antes de ir, ela pediu um atestado, alegando que precisaria faltar ao trabalho para ficar em casa cuidando do menino, mas ele negou.  

A mulher é porteira e trabalha cerca de 12 horas por dia.  

Ele sempre fica na escola, diz a mãe.

Mas você vai deixar ele em casa nesse período, responde o médico.

Com quem?, ela questiona.

Qual o risco de ele ficar em casa sozinho? Ele tem 5 anos, não pode ficar em casa sozinho assistindo televisão?, diz ele.

O médico – que é clínico geral e não pediatra – é contratado de uma empresa terceirizada que presta serviço a um consórcio intermunicipal de saúde, incluindo em Cambé. Ele foi afastado, e uma sindicância foi aberta pelo Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR) para investigar a conduta.  

De acordo com a legislação, o profissional de saúde não é obrigado a fornecer atestado médico a acompanhantes de pacientes, mas deve analisar a necessidade caso a caso. Os advogados da mãe informaram que pretendem entrar com uma ação de reparação na Justiça. 

*BAND

terça-feira, 21 de maio de 2024

LEWANDOWSKI CELEBRA AUMENTO NA LIBERAÇÃO DE PRESOS EM AUDIÊNCIAS DE CUSTÓDIA


O ministro da Justiça e Segurança, Ricardo Lewandowski, comemorou o índice de 50% de liberdade em audiências de custódia durante discurso na segunda-feira 20.

Lewandowski participava do um evento para ampliação da presença da Defensoria Pública em municípios brasileiros, que acontecerá através do projeto “Defensoria em Todos em Cantos”. O governo Lula deve investir cerca de R$ 50 milhões para a criação de postos de atendimento ao longo de 2024.

No discurso, o ministro disse: “Foi uma luta, a meu ver, bastante importante; foi um salto civilizatório: nós conseguimos naquele momento reduzir a população carcerária paulatinamente de 850 mil presos para cerca de 650 mil presos, significando que 200 mil pessoas seriam detidas, ficariam meses ou, quem sabe anos, sem ter a oportunidade de se defrontar com juiz ou uma juíza, presos preventivamente e presas fáceis, para utilizar a mesma expressão do crime organizado.”

E prosseguiu: “É um grande avanço, porque muita gente que não precisava ser presa estava sendo preso e hoje a média em torno de 50% de pessoas presas em flagrante ao invés de serem trancafiadas no ergasto são liberadas mediante condições.”

A audiência de custódia consiste na apresentação do detido em flagrante a um juiz, que decide se ele deve continuar preso ou se pode aguardar o julgamento em liberdade. O procedimento foi implementado em 2015 e permanece sendo alvo de críticas.

No Senado Federal, um projeto de lei do senador Sergio Moro (União Brasil-PR) propõe alterar o Código de Processo Penal para estabelecer critérios que determinem quando a prisão em flagrante deve ser convertida em prisão preventiva.

Segundo o senador, que também foi juiz federal e ministro da Justiça, “o objetivo do projeto é evitar a concessão de liberdade, nas audiências de custódia, a criminosos perigosos para a sociedade ou para outros indivíduos”.

O mecanismo também enfrenta oposição do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Consud), um grupo de governadores. Em março, eles propuseram ao Ministério da Justiça que a audiência de custódia inclua critérios específicos para criminosos reincidentes, mesmo que ainda não tenham sido definitivamente julgados.

Lewandowski foi o principal impulsionador da audiência de custódia

lei das estatais
O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, durante seminário promovido pelo grupo Esfera Brasil, em São Paulo – 22/0/2024 | Foto: Aloisio Mauricio/Estadão Conteúdo

Em 2015, Lewandowski era ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e foi o principal impulsionador dessa iniciativa judicial em 2015.

Apesar das críticas, o ministro da Justiça afirma que a medida teve “impacto positivo” e mencionou a redução do número de detidos de 850 mil para aproximadamente 650 mil, o que representa 200 mil pessoas que poderiam ter ficado presas por meses ou anos sem acesso a um juiz e vulneráveis ao crime organizado. Ele alega que muitas dessas pessoas “não necessitavam estar detidas”.



Via Revista Oeste

TOFFOLI ANULA PROCESSOS E INVESTIGAÇÕES SOBRE MARCELO ODEBRECHT NA LAVA JATO

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal (STF), derrubou nesta terça-feira, 21, todos os processos e investigações contra o empresário Marcelo Odebrecht na Operação Lava Jato.

A decisão afirma que houve “conluio processual” entre o ex-juiz Sérgio Moro e a força-tarefa de Curitiba e que os direitos do empresário foram violados nas investigações e ações penais.

“O que poderia e deveria ter sido feito na forma da lei para combater a corrupção foi realizado de maneira clandestina e ilegal”, justificou Toffoli.

Ao declarar a “nulidade absoluta de todos os atos processuais” contra Marcelo Odebrecht na Lava Jato, o ministro determinou que os inquéritos e processos envolvendo o empresário sejam trancados.

“Nota-se, portanto, um padrão de conduta de determinados procuradores integrantes da força-tarefa da Lava Jato, bem como de certos magistrados que ignoraram o devido processo legal, o contraditório, a ampla defesa e a própria institucionalidade para garantir seus objetivos - pessoais e políticos -, o que não se pode admitir em um Estado Democrático de Direito”, diz um trecho da decisão.  

Réu confesso, Marcelo Odebrecht fechou acordo de colaboração com a força-tarefa de Curitiba e admitiu propinas a centenas de agentes públicos e políticos de diferentes partidos. Ele era presidente da construtora que leva o sobrenome da família quando a Lava Jato estourou em 2014 e prendeu os principais executivos do grupo. A defesa agora alega que o empresário foi forçado a assinar a delação.

Seus advogados usaram mensagens hackeadas da força-tarefa, obtidas na Operação Spoofing, que prendeu os responsáveis pela invasão ao Telegram dos procuradores, para recorrer ao STF. A defesa pediu a extensão da decisão que beneficiou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em sua decisão, Toffoli afirma que as conversas revelam que Sergio Moro e os procuradores combinaram estratégias contra Marcelo Odebrecht.

“A prisão do requerente, a ameça dirigida a seus familiares, a necessidade de desistência do direito de defesa como condição para obter a liberdade, a pressão retratada pelo advogado que assistiu o requerente naquela época e que o assiste atualmente estão fartamente demonstradas”, escreveu. “Fica clara a mistura da função de acusação com a de julgar, corroendo-se as bases do processo penal democrático.”

A decisão de Toffoli não afeta o acordo de delação, que continua válido, segundo o próprio ministro. Marcelo Odebrecht terminou de cumprir a pena da colaboração com a Lava Jato, por corrupção, associação criminosa e lavagem de dinheiro, em 2023.

*ESTADÃO

OPERAÇÃO FOGO AMIGO: CAPITÃO DA PM-BA É PRESO NA GRAÇA

O capitão da Policia Militar da Bahia, Mauro das Neves, foi preso em flagrante na manhã desta terça-feira (21), no bairro Graça, na Operação Fogo Amigo.

Durante uma coletiva e em resposta à pergunta da repórter Adriana Planzo da Rádio Sociedade, o tenente Coronel PM Hilton Teixeira dos Reis, informou que o PM era subcomandante da 41 CIPM – Federação e foi afastado da função por conta das informações que chegaram até a corregedoria. Atualmente, ele era lotado em outra unidade, atuava na parte administrativa da PM-BA e não estava ligado a atividade operacional.

Até o momento foram cumpridos 18 mandados de prisão, 1 prisão por porte ilegal de arma, 3 presos foram conduzidos para a sede da Policia Federal em Salvador, além de 33 mandados de busca e apreensão nos estados da Bahia, Pernambuco e Alagoas.

A Operação deflagrada pela Polícia Federal, tem como objetivo a desarticulação de uma organização criminosa formada por diversos policiais militares dos Estados da Bahia e Pernambuco, CACs e lojistas, especializada em vender armas e munições ilegais para facções criminosas.

CURTA!