quinta-feira, 2 de julho de 2020

"MORRA QUEM MORRER", DIZ PREFEITO DE ITABUNA SOBRE REABERTURA DO COMÉRCIO

O prefeito de Itabuna, cidade ao sul da Bahia, anunciou a reabertura do comércio local para a próxima quinta-feira (9). "No dia 8 mandei fazer um decreto que no dia 9 abre morra quem morrer", disse Fernando Gomes sobre o assunto em vídeo.
Essa é a terceira tentativa de retomada da economia do município, que contabiliza 2.748 casos confirmados da Covid-19 e 58 óbitos. A primeira aconteceu em junho e a segunda estava marcada para esta quarta-feira (1º). Ambas tiveram de ser interrompidas por conta do avanço da doença na cidade, sendo a primeira paralisação uma recomendação do Ministério Público estadual.
"A gente tem mais 10 leitos para o atendimento. Espero que daqui para lá diminua essa situação", finalizou o prefeito no vídeo.
‘FGV DESTRUIU A MINHA CARREIRA NO MEC’, DIZ DECOTELLI

‘FGV destruiu a minha carreira no MEC’, diz Decotelli

“Se a FGV não tivesse me destruído, eu estaria agora trabalhando no MEC e ajudando o presidente Bolsonaro”, disse Decotelli.

O agora ex-ministro da Educação, Carlos Alberto Decotelli, teceu duras críticas, nesta quarta-feira (1º), à Fundação Getulio Vargas (FGV).
Decotelli disse que a instituição de ensino fez uma “covardia moral” e um “linchamento” ao afirmar, por meio de nota, que ele não era professor da instituição. “
Em conversa com o site Poder360, Decotelli disse que considera a nota da FGV “uma traição”:
“A Fundação Getúlio Vargas fez uma covardia impensável de jogar uma notícia na imprensa de que eu nunca havia sido professor da FGV. […] Estou recolhido. Rompi definitivamente qualquer compromisso com a FGV pela covardia moral do que fizeram.”
Já em conversa com o jornalista Eduardo Barretto, da revista Época, Decotteli disse que o “fake da FGV destruiu a minha carreira no MEC”.
Decotelli ainda enviou à revista fotos de seis prêmios da FGV em reconhecimento a seu trabalho como docente nas turmas de MBA.
Em um currículo interno da FGV, de acordo com o jornalista, Decotelli aparece com um histórico de docência em 25 turmas, de cinco disciplinas: Análise de investimento e riscos; Análise de viabilidade de projetos; Economia empresarial; Finanças internacionais; e Matemática financeira. 
Em toda as turmas, o agora ex-ministro foi avaliado com nota 10.
*RENOVA MÍDIA
CARCARÁ (MURILO CAMPOS)

Ave com beleza e tamanho notáveis, o Carcará (Caracara plancus) é um animal onívoro: alimenta-se de quase tudo que acha, de animais vivos ou mortos até o lixo produzido pelos humanos, tanto nas áreas rurais quanto urbanas. É encontrado também em áreas agrícolas, seguindo tratores que estão arando o campo, em busca de minhocas e larvas de pequenos invertebrados. Procura suas presas caminhando pelo solo ou observando de locais mais altos.
Registro feito na Fazenda Belo Horizonte (Amargosa) em 24/06/2020.

(Murilo Campos, 02/07/2020)

POLÍCIA CUMPRE MANDADOS NA BAHIA EM OPERAÇÃO SOBRE COMPRA DE TESTES PELO DF
Polícia cumpre mandado na Bahia em investigação sobre compra de ...
A polícia deflagrou a operação "Falso Negativo", na manhã desta quinta-feira (2), para apurar supostas irregularidades na compra de testes para Covid-19 pelo Distrito Federal. Com apoio de 500 agentes do Estado, entre promotores de Justiça, servidores do Ministério Público e policiais, os mandados são cumpridos na capital do país, mas também em Goiás, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Paraná, Santa Catarina e Bahia.

Segundo informações do Ministério Público da Bahia (MP-BA), há indícios de superfaturamento na compra de testes IgG/IgM pelo governo do Distrito Federal. A compra foi feita sem licitação.


No território baiano, cinco mandados são cumpridos nos municípios de São Gabriel e Irecê e a operação conta com o apoio da Companhia Independente de Policiamento Especializado - CIPE Semiárido. Nos demais estados do país, as diligências ocorrem também nas cidades de Brasília, DF; Formosa e Goiânia, em Goiás; Curitiba, Maringá, São José dos Pinhais e Pinhas, no Paraná; São Paulo, Santana do Parnaíba, Cotia, Itapevi e Barueri, em São Paulo; Joinville, Balneário Camboriú, Ilhota e Navegantes, em Santa Catarina; Serra, Cariacica e Vitória, no Espírito Santo; além de Rio de Janeiro e Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro.
*B.N
CONGRESSO ADIA ELEIÇÕES MUNICIPAIS PARA NOVEMBRO
Senado aprova PEC que adia para novembro eleições municipais deste ...
A Câmara dos Deputados aprovou nesta 4ª feira (1º.jul.2020), em 2 turnos, a PEC (proposta de emenda à Constituição) que adia as eleições municipais de 2020. O projeto aprovado altera a data do 1º turno de 4 de outubro para 15 de novembro e do 2º de 25 de outubro para 29 de novembro.
Foram 402 votos a favor e 90 contrários, além de 4 abstenções no 1º turno. No 2º turno, 407 a favor, 70 contra e uma abstenção. O texto já tem aval do Senado, e será promulgado. Não é necessária sanção presidencial.
O presidente do Congresso, Davi Alcolumbre (DEM-AP), anunciou em sua conta no Twitter a cerimônia de promulgação. Será nesta 5ª feira (2.jul.2020) às 10h.
O motivo da alteração é a pandemia. Há o temor de que os eventos ligados ao processo eleitoral, como a votação e a campanha, facilitem a disseminação do coronavírus.
A proposta aprovada altera também os prazos do processo que ainda não venceram. Eis as principais novas datas:
O relator, Jhonatan de Jesus (Republicanos-RR), manteve no texto trecho que dava ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) ou ao Congresso o poder de adiar novamente a votação em cidades ou Estados que estejam sem condições sanitárias de realizar a eleição. A data limite para isso é 27 de setembro.
*PODER360

quarta-feira, 1 de julho de 2020

TESTE DE VACINA DE COVID-19 FUNCIONA E EMPRESA PODE PRODUZIR 1 BI DE DOSES
Vacina coronavírus
Julho já começou com uma boa notícia e a vacina experimental contra o novo coronavírus produzida pela gigante farmacêutica Pfizer em parceria com a empresa de biotecnologia BioNTech demonstrou bons resultados em testes com humanos. A vacina estimulou a resposta imune dos pacientes saudáveis, mas também causou efeitos colaterais, como febre, em doses mais altas.
O estudo foi randômico e testado em 45 voluntários que receberam três doses da vacina ou placebo; destes, 12 receberam uma dose de 10 microgramas, outros 12 tomaram 30 microgramas, mais 12 receberam uma dose de 100 microgramas e nove foram tratados com a versão em placebo da vacina.
A dose mais alta, de 100 microgramas, causou febre em metade dos participantes do teste — por conta dos efeitos colaterais, o grupo não recebeu uma segunda dose.
Depois de uma segunda dose da injeção três semanas depois da primeira, 8,3% dos participantes do grupo de 10 microgramas e 75% do grupo de 30 microgramas também tiveram febre.
Outro sintoma apresentado foram distúrbios de sono. Os pesquisadores, no entanto, não consideraram os efeitos colaterais sérios e não resultaram em hospitalizações.
A vacina foi capaz de gerar anticorpos contra a covid-19 e alguns deles neutralizaram o vírus, o que pode significar que é capaz de parar o funcionamento dele, mas ainda não se sabe se esse nível mais alto de anticorpos é realmente capaz de gerar imunidade à doença.
A Pfizer irá conduzir novos estudos em breve para provar que quem tomou a vacina é 50% menos vulnerável ao vírus.
A novidade foi divulgada no site Medrxiv, principal distribuidor de descobertas científicas que ainda não foram revisadas por pares. Os resultados ainda não foram publicados em um jornal científico.
As empresas não divulgaram as diferenças dos efeitos da vacina por gênero, etnia ou faixa etária. As próximas fases do teste também serão focadas nos Estados Unidos. Se tudo der certo, a expectativa da companhia é produzir até 100 milhões de doses da vacina até o final deste ano e mais 1,2 bilhão até o final de 2021.
Com os resultados positivos, a Pfizer viu suas ações subirem mais de 4% na bolsa americana.
*EXAME
AUXÍLIO EMERGENCIAL FOI PAGO A MAIS DE MIL MORTOS NA BAHIA, APONTA AUDITORIA DO TCU
Uma auditoria feita pelo Tribunal de Contas da União indica que o auxílio emergencial do governo, destinado a  trabalhadores informais durante a pandemia de coronavírus, foi pago a 17 mil mortos. Entre eles, 1.358 são da Bahia. 
O estado aparece em quarto lugar entre as unidades federativas com maior número de mortos entre os beneficiários. Antes dele, vêm São Paulo, com 2.674, Minas Gerais (1.761) e Ceará (1.512). 
De acordo com o TCU, 620 mil pagamentos indevidos foram feitos até abril, equivalente a uma despesa de R$ 427,3 milhões. A verba que foi depositada a pessoas que já faleceram chega a R$ 11 milhões. Levantamento feito por técnicos da Corte foi levado hoje (1º) aos ministros, que vão julgar o relatório.
Fonte: Agência Brasil
CICLONE CAUSA ESTRAGOS E MORTES SANTA CATARINA NESTA TERÇA-FEIRA
Formação de 'ciclone-bomba' e passagem de tempestades provocam ao ...
A formação de um ciclone bomba e a passagem de tempestades provocaram estragos em Santa Catarina nesta terça-feira (30). Houve destelhamento de imóveis, queda de árvores e pelo menos três mortes, segundo o Corpo de Bombeiros e Defesa Civil. As mortes foram registradas nas cidades de Chapecó, Tijucas e Santo Amaro da Imperatriz. 

De acordo com o G1, as rajadas de vento passaram dos 100 km/h em algumas regiões e, conforme as Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), durante a tarde mais de 1,5 milhão de unidades consumidoras ficaram sem energia elétrica. O mau tempo deve continuar até esta quarta (1º).
*B.N
REITOR DO ITA É O FAVORITO PARA ASSUMIR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO; VEJA NOMES COTADOS

O nome do atual reitor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), Anderson Correa, é, agora, o mais forte para assumir o Ministério da Educação (MEC) depois da saída de Carlos Decotelli. Evangélico e com perfil técnico, ele passou a aglutinar apoio de vários grupos que indicam nomes ao presidente Jair Bolsonaro. Correa foi presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) até 2019, quando foram cortadas milhares de bolsas de mestrado e doutorado. Ainda no cargo, passou a concorrer à vaga de reitor do ITA, posição que ele já tinha ocupado entre 2016 e 2019. Foi o escolhido mais uma vez.
Ele fez carreira na instituição, foi pró-reitor de Pesquisa e Relacionamento Institucional, chefe de departamento, coordenador de cursos e coordenador de projetos. Seu currículo indica que é formado em Engenharia Civil pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e é mestre pelo ITA. É ainda doutor em Engenharia de Transportes pela University of Calgary, no Canadá. Na noite de ontem, o governo checava suas credenciais e colhia apoios. O dono da Unisa, Antonio Veronezi, é um dos que exercem grande influência no governo e participa do lobby para o MEC.
Outro nome que surgiu entre os indicados é o do ex-pró-reitor da FGV Antonio Freitas. Freitas é professor titular de Engenharia de Produção da Universidade Federal Fluminense (UFF) e membro do Conselho Nacional de Educação (CNE). Gilberto Gonçalves Garcia, que tem formação em Filosofia e foi reitor de várias universidades privadas, também foi cogitado.
Além dele, há Marcus Vinícius Rodrigues, que foi presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep/MEC) na gestão de Ricardo Vélez. Ele é engenheiro e ligado ao mesmo grupo militar de Decotelli. Rodrigues deixou o Inep depois de desentendimento com o grupo olavista.
Na disputa há ainda o evangélico Benedito Guimarães Aguiar Neto, que foi reitor da Universidade Presbiteriana Mackenzie e hoje é presidente da Capes. O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, que esteve com o presidente na semana passada, voltou a ser analisado também.
A preocupação dos militares é a de que integrantes ligados a Olavo de Carvalho tenham força para indicar um nome que prevaleça. O deputado Eduardo Bolsonaro teria sugerido Sérgio Sant’ana, ex-assessor de Abraham Weintraub e ligado a olavistas. O nome de Ilona Becskehazy, que é secretária de Educação Básica no MEC, também está sendo defendido por grupos considerados ideológicos.
*Estadão 

terça-feira, 30 de junho de 2020

OUTRO VÍRUS COM POTENCIAL PANDÊMICO É IDENTIFICADO POR PESQUISADORES DA CHINA

Corremos um risco constante de surgimento de novos patógenos", diz ...
Um estudo de quase uma década com porcos chineses descobriu um novo tipo potencialmente perigoso de vírus da gripe. A pesquisa, publicada na revista Proceedings da National Academy of Sciences , descreve uma cepa de gripe que compartilha genes com a que causou a pandemia de gripe suína em 2009. Os cientistas descobriram que o vírus é uma combinação de três cepas de gripe: uma de aves européias e asiáticas, a que causou o surto de gripe suína de 2009 e uma gripe norte-americana que possui genes de vírus de gripe aviária, humana e de porco. A nova cepa pode representar uma grande ameaça se ela pular para os seres humanos, alertaram os pesquisadores, embora ainda não o tenha feito. Além disso, por conter partes da gripe suína de 2009 , “pode ​​promover a adaptação do vírus” que leva à transmissão de humano para humano, escreveram os pesquisadores. Dada a devastação causada pela pandemia de coronavírus, disseram os pesquisadores, é essencial tomar medidas proativas agora para proteger as pessoas contra a gripe suína, acrescentaram. Um novo tipo emergente de gripe suína A identificação de novas cepas de vírus em porcos é crucial para evitar outra pandemia. A pandemia de H1N1 de 2009 foi causada por um vírus da gripe A que emergiu de porcos. Os animais podem servir de reservatório para doenças infecciosas, pois podem ser infectados com cepas de aves, porcos e influenza humana. Quando várias cepas de influenza infectam o mesmo porco, os vírus podem trocar e substituir genes, um processo conhecido como “rearranjo”, levando à criação de uma nova doença. A equipe de pesquisadores chineses que conduziu este estudo teve como objetivo identificar esses tipos de vírus potencialmente perigosos, nunca antes vistos em porcos. O trabalho que os levou a encontrar essa nova cepa começou em 2011 e continuou até 2018. Eles pegaram quase 30.000 zaragatoas de porcos em matadouros em 10 províncias chinesas e outras mil zaragatoas de porcos com sintomas respiratórios em um hospital veterinário local. Os pesquisadores descobriram 179 cepas de vírus em populações de suínos chinesas, mas essa se destacou. Eles chamaram a preocupante nova cepa de gripe G4 EA H1N1. O vírus surgiu em uma escala maior nas populações suínas desde 2016, segundo o estudo – é “o genótipo predominante na circulação em porcos detectados em pelo menos 10 províncias”, escreveram os pesquisadores. Eles acrescentaram que o vírus é “distinto das atuais linhagens de vacinas contra influenza humana, indicando que a imunidade preexistente derivada das atuais vacinas sazonais contra influenza humana não pode fornecer proteção”. Ao testar o vírus em um laboratório, eles descobriram que ele se reproduz no sistema respiratório. Pode se espalhar entre os animais através de pequenas partículas transportadas pelo ar. Também transmite facilmente entre furões, uma espécie que os cientistas costumam usar como um indicador de quão ruins podem ser os vírus nos seres humanos. (Os furões apresentam sintomas de gripe semelhantes aos humanos quando infectados.) “O controle dos vírus G4 EA H1N1 predominantes em porcos e o monitoramento rigoroso em populações humanas, especialmente os trabalhadores da indústria suína, devem ser implementados com urgência”, escreveram os pesquisadores. A ameaça de outra pandemia de gripe suína O H1N1 surgiu no final de 2008 e infectou aproximadamente 60,8 milhões de pessoas nos EUA até 2010. Foi referido como “gripe suína” porque originalmente saltou de porcos para humanos . As estimativas do total global de mortes por H1N1 variam de 151.700 a 575.400. Porém, o H1N1 diferiu de outros surtos de influenza, pois 80% das mortes relacionadas ao vírus ocorreram em pessoas com menos de 65 anos. (Entre 70% e 90% das mortes por surtos de influenza geralmente ocorrem naqueles com mais de 65 anos). No total, os cientistas acham que mamíferos e aves em todo o mundo hospedam cerca de 1,7 milhão de tipos de vírus não descobertos . Vírus em pássaros, morcegos e porcos são especialmente arriscados para as pessoas. A China tem a maior população suína do mundo – cerca de 310 milhões, segundo Statista . Então, os cientistas chineses os monitoram na tentativa de encontrar doenças emergentes antes que elas se espalhem. “A vigilância sistemática dos vírus influenza em porcos é essencial para o alerta precoce e a preparação para a próxima pandemia potencial”, escreveram os pesquisadores por trás do novo estudo. A vigilância deles também descobriu outras tendências: descobriram que a porção de porcos estudada que apresentava doenças aumentou com o tempo. O número passou de 1,4% em 2011 para 8,2% em 2018, com um forte aumento após 2014. Um sistema de vigilância semelhante também existe para os coronavírus. Os cientistas acreditam que o novo coronavírus, conhecido SARS-CoV-2, saltou para pessoas de morcegos, provavelmente por meio de uma espécie animal intermediária. Fontes: The guardian
POSSE DE DECOTELLI NO MEC É SUSPENSA E GOVERNO ESTUDA REVER NOMEAÇÃO
Chamado por Bolsonaro, Decotelli diz que continua ministro da ...
A posse de Carlos Alberto Decotteli como novo ministro da Educação não tem mais dia e hora para acontecer, segundo o Palácio do Planalto. A cerimônia, que estava prevista para esta terça-feira (30), às 16h, foi adiada.
Auxiliares presidenciais passaram a recomendar ao presidente que reveja a nomeação de Decotelli para o cargo de ministro da Educação após surgirem novas informações sobre imprecisões em seu currículo acadêmico.
Segundo um integrante do Palácio do Planalto, a própria ala militar, que recomendou o nome do professor ao posto, vê constrangimento na indicação e risco até de questionamentos judiciais recaiam sobre o governo.
Diante disso, auxiliares pressionam para que Bolsonaro retire a nomeação. A posse de Decotelli foi adiada para que o governo possa tomar uma decisão sobre o destino da pasta, de acordo com uma fonte próxima ao presidente. Um dos motivos é a imprecisão no curriculo de Decotelli.
Problemas no currículo
Ao anunciar o sucessor de Abraham Weintraub na pasta, o presidente Jair Bolsonaro mencionou nas redes sociais a formação do professor:  “Decotelli é bacheral em Ciências Econômicas pela Uerj, Mestre pela FGV, doutor pela Universidade de Rosário, Argentina, e Pós-doutor pela Universidade de Wuppertal, na Alemanha”.
Os maiores questionamentos estão em cima das duas universidades estrangeiras. O título de doutor no curso feito na Argentina foi questionado pelo reitor da Universidade Nacional de Rosário. Ele disse que Decotelli não concluiu o doutorado.
Depois de ser questionado, Decotelli atualizou o currículo na plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) ao anunciar que o curso estava "sem defesa de tese".
No final de semana, a dissertação de mestrado do novo ministro do MEC também foi colocada sob nova verificação após conter possíveis indícios de plágio.
Diante dessas inconsistências, segundo interlocutores do governo, o GSI (Gabinete de Segurança Institucional) pediu um relatório à Abin (Agência Brasileira de Inteligência) para fazer uma espécie de rechecagem no currículo de Decotelli.
*CNN BRASIL


ITATIM: EVENTO POLÍTICO COM PARTICIPAÇÃO DO PREFEITO AGLOMERA PESSOAS
[Itatim: Evento político com participação do prefeito aglomera pessoas]
Uma aglomeração em tempo de pandemia chamou atenção de autoridades sanitárias no município de Itatim, na Bahia, neste final de semana. 
Uma espécie de “comício” enaltecia o “fortalecimento” do grupo político do prefeito da cidade, Gilmar Pereira Nogueira. Em imagens que circularam na internet, é possível ver carros de som e muita gente comemorando a “família 55”, em referência ao número do PSD – partido do gestor. Há, ainda, máscaras com o número da legenda. 
Em nota, a prefeitura municipal negou a ocorrência de evento de campanha. “Não houve festa de campanha política, até porque não estamos em campanha. O que houve foi uma manifestação espontânea de algumas pessoas quando souberam que uma pessoa da oposição aderiu ao grupo da situação. Não houve trio elétrico, apenas um carro de som que apareceu no momento da manifestação de apoio. A Prefeitura tem adotado todas as medidas recomendadas pelas autoridades sanitárias e as pessoas respeitaram todas as medidas preconizadas”, diz. 
Presidente do PSD na Bahia, Otto Alencar minimizou o evento. Segundo ele, o prefeito é “responsável e jamais tomaria essa iniciativa”. “Eu não procurei ele. Tomei conhecimento hoje. É um prefeito muito bem avaliado, tem um ótimo trabalho, mudou a realidade do município. Se reelegeu com vantagem. é popular e bem quisto. Certamente manifestações acontecem. Pode ser manifestação espontânea. Não acredito que ele fez ou armou isso. Eu o conheço, sei que é um homem de bem”.
*METRO 1
GUEDES CONFIRMA MAIS DUAS PARCELAS DE R$ 600 DO AUXÍLIO EMERGENCIAL
Outro Olhar Guedes emergencial
O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou à CNN na manhã desta terça-feira (30) que o governo federal vai prorrogar o auxílio emergencial em mais duas parcelas de R$ 600 cada. 
O anúncio oficial deve ser feito em cerimônia no Palácio do Planalto prevista para as 16h de hoje, com a presença do chefe da equipe econômica e do presidente Jair Bolsonaro.
O montante de cada nova parcela é o mesmo pago pelo governo nas três parcelas iniciais do benefício. Por esse motivo, não será preciso aprovar uma nova lei no Congresso – bastará um decreto presidencial prorrogando.
A prorrogação do auxílio, apelidado de “coronavoucher”, em duas parcelas de R$ 600 vai ao encontro do que defendia o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). 
Bolsonaro chegou a anunciar que prorrogaria o benefício em três parcelas decrescentes de R$ 500, R$ 400 e R$ 300, mas acabou desistindo após resistência de Maia e outros parlamentares.
*CNN BRASIL
PF APURA DESVIO DE RECURSO PÚBLICO DE AÇÕES CONTRA A COVID-19 NO AMAZONAS
Imagem
Uma operação da Polícia Federal no Amazonas cumpre na manhã desta terça-feira (30) 20 mandados de busca e apreensão e oito de prisão temporária de investigados por fraude e superfaturamento nas ações de combate à pandemia do novo coronavírus.

A PF investiga possíveis práticas de crimes como pertencimento a organização criminosa, corrupção, fraude a licitação e desvio de recursos públicos federais.

No inquérito constam provas e indícios que revelam o desvio de recursos públicos federais que seriam destinados ao sistema hospitalar estadual, em razão da emergência por conta da doença. As compras foram feitas sob gestão do governador Wilson Lima (PSC).

De acordo com a Polícia Federal, o governo teria desviado e fraudado as verbas federais na contratação de uma empresa para fornecimento de respiradores. A compra teria sido feita com uma empresa que vende vinhos.

"Os ventiladores mecânicos hospitalares entregues ao Estado do Amazonas pela referida empresa não possuíam as especificidades técnicas necessárias para a adequada utilização no tratamento médico", diz a PF em nota.
*B.N

segunda-feira, 29 de junho de 2020

AMARGOSA: CORPO EM DECOMPOSIÇÃO FOI ENCONTRADO NA ZONA RURAL


Por volta das 14:00 horas deste domingo (29) o CICOM/SAJ informou que um corpo em estado de decomposição fora encontrado por populares na localidade conhecido como Passagem do Lajedo em Amargosa.
De acordo com a Polícia Militar, foi deslocada a Guarnição do 1° Pelotão para averiguar a veracidade da informação. Chegando ao local foi encontrado o corpo que segundo informaçoes de parentes que se encontram no local era do Sr. Edvaldo Pereira dos Santos, 64 anos, o qual já havia desaparecido há seis dias, que aparentemente faleceu por causas naturais, pois não tinha nenhum sinal de violência.
O corpo foi informado a D.P. local que acionou o IML de SAJ e recolhido para o necrotério.
*Criativa

sábado, 27 de junho de 2020

AMARGOSA: MUNICÍPIO REGISTRA NOVOS CASOS DE COVID-19 NESTE SÁBADO, 26

Neste sábado (27), os profissionais de saúde informam que mais quatros casos de coronavírus foram confirmados na cidade. Dois destes, através de resultados vindos do Lacen: Homem, 34 anos, servidor público, informa que teve contato com pacientes positivos para Covid-19 em outro município. Está com tosse e perda de paladar. Mulher, 33 anos, refere dor de garganta e perda de olfato, relata contato com paciente positivo para Covid-19. Os outros dois casos positivos foram diagnosticados por teste rápido e já estão recuperados: Homem, 33 anos, realizou teste rápido agendado após os 14 dias do início dos sintomas no qual testou positivo para Covid-19. Mulher, 36 anos, realizou teste rápido hoje, após os 14 dias do início dos sintomas no qual testou positivo para Covid-19. Ambos os paciente já estavam em isolamento e receberam alta médica. Nas últimas 24 horas também foram realizadas mais 5 coletas suspeitas de Covid-19: Mulher, 38 anos, profissional de saúde, procurou o Centro de Enfrentamento ao Coronavírus, ontem à noite, relatando dor de garganta e dor de cabeça. Mulher, 49 anos, profissional de saúde, foi atendida pela equipe de profissionais apresentando tosse, dor de garganta e dor de cabeça. Homem, 23 anos, deu entrada no Centro de Enfrentamento ao Coronavírus, cursando com tosse, falta de ar, perda do paladar e olfato. Homem, 35 anos, profissional de saúde, deu entrada no Centro de Enfrentamento ao Coronavírus com sintomas de dor de garganta, tosse e febre. Homem, 37 anos, relatou tosse, falta de ar, febre, perda do olfato e náuseas. Um exame realizado pelo Lacen em paciente do município testou negativo: Homem, 65 anos, apresentando febre, tosse e vômito. Um teste rápido realizado pelo município apresentou resultado negativo. Atualmente, Amargosa possui 16 casos ativos, 19 recuperados e 1 óbito provocado pela Covid-19.
*DICOM-PMA

sexta-feira, 26 de junho de 2020

O EFEITO KLOPP (TOSTA NETO)
LIVERPOOL CAMPEÃO DA PREMIER LEAGUE 2019/20 - YouTube

Nesta quinta (25), pela 31ª rodada do Campeonato Inglês, posterior a derrota do Manchester City diante do Chelsea, o Liverpool confirmou o título da Premier League. Em 31 partidas, os Reds atingiram a marca de 28 vitórias, 2 empates e apenas 1 derrota, obtendo o impressionante aproveitamento de 92,5% dos pontos disputados. Sem dúvida, uma campanha soberana e incontestável que quebrou um jejum incômodo de 30 anos.
Podemos elencar aqui nomes importantes na conquista do título inglês, entre os quais, Van Dijk, Arnold, Alisson, Henderson e o tridente ofensivo, mas o grande arquiteto desta guinada na história do Liverpool no derradeiro quinquênio foi o técnico alemão Jürgen Klopp. Não esqueçamos que o time da terra dos Beatles é o atual campeão da Champions League e do Mundial de Clubes da FIFA.
Klopp iniciou a carreira no Mainz até ser transferido para o Borussia Dortmund. Pela equipe da “Muralha Amarela”, conquistou a Copa da Alemanha, o vice-campeonato da Champions e dois títulos da Bundesliga. Em 2015, Klopp enveredou para Liverpool, tendo como grande missão recolocar os Reds no caminho dos títulos.
Subsequente a um início desanimador, aos poucos, Klopp foi implantando o seu estilo de jogo e o Liverpool começava a sinalizar um padrão tático competitivo que depois se consolidou como vencedor, com o triunfo na Champions League em 2019, após um vice na temporada anterior. Apesar do peso gigante da competição de clubes mais importante do mundo, lá no fundo, o torcedor dos Reds continuava com um vazio: o título do Campeonato Inglês, repaginado como Premier League em 1992.
O último título do Liverpool do Campeonato Inglês tinha sido em 1990. Neste intervalo de 3 décadas, o Manchester United “roubou” dos Reds o posto de maior vencedor do campeonato inglês, e até os “pequenos” Blackburn e Leicester ganharam a Premier League. Só faltava o Liverpool, agora não falta mais.
Klopp introduziu um paradigma vitorioso no Liverpool: marcação insana na saída de bola do adversário, defesa consistente, meio-campo rijo nas disputas de bola e sistema ofensivo extremamente rápido, agudo e objetivo. Além do vasto conhecimento tático, o genial técnico alemão é muito carismático, cujos jogadores “compram” a sua ideia de jogo. No jargão futebolístico, ele é aquele “paizão” que sabe muito de futebol. Incontestavelmente, Klopp já tem a sua cadeira no panteão dos maiores técnicos do século XXI.

(Tosta Neto, 26/06/2020)

BOLSONARO: AUXÍLIO DEVE TER NOVAS PARCELAS DE R$ 500, R$ 400 E R$ 300
Live Bolsonaro -25.06.2020
O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (25) que o auxílio emergencial vai pagar um adicional de R$ 1,2 mil, que serão divididos em três parcelas.
"Vamos partir para uma adequação. Deve ser, estamos estudando, R$ 500, R$ 400 e R$ 300", afirmou o presidente durante sua live semanal nas redes sociais. Ele estava ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, que também confirmou que a terceira parcela do auxílio emergencial, no valor de R$ 600, começa a ser paga no sábado (27).
Ao todo, o programa atende a cerca de 60 milhões de pessoas, e é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, como forma de fornecer proteção emergencial no enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19).
"Estávamos em R$ 600, o auxílio, e à medida que a economia começa a se recuperar, e começa a andar novamente, as pessoas vão devagar se habituando [com a redução do valor]", afirmou Guedes.
Bolsonaro também disse que espera que a economia possa ser retomada e defendeu a reabertura das atividades comerciais. "A gente apela aos governadores e prefeitos, com a responsabilidade que é pertinente de cada um, que comecem a abrir o mercado, abrir para funcionar", afirmou. Balanço mais recente do Ministério da Saúde registra um total de 1.228.114 de pessoas infectadas e quase 55 mil óbitos provocados pela covid-19.
*AGÊNCIA BRASIL
GOVERNO DIVULGA CALENDÁRIO DO PAGAMENTO DA TERCEIRA PARCELA DO AUXILIO EMERGENCIAL
Governo divulga calendário do pagamento da terceira parcela de R ...
Foi divulgado na noite desta quinta-feira (25) em edição extra do “Diário Oficial da União”, o calendário de pagamentos da terceira parcela do auxílio emergencial de R$ 600.
A partir deste sábado (4) e até 4 de julho, o dinheiro será depositado nas contas da poupança social digital para pagamento de contas, boletos e compras por meio do cartão de débito digital. Os saques começam em 18 de julho e vão até 19 de setembro.
Calendário do depósito nas consta digitais:
Cada data terá o pagamento do 1º lote da terceira parcela , do 2º lote da segunda parcela e do 4º lote da primeira parcela do auxílio.
27 de junho: Nascidos em janeiro e fevereiro
30 de junho: Nascidos em março e abril
1º de julho : Nascidos em maio e junho
2 de julho: Nascidos em julho e agosto
3 de julho: Nascidos em setembro e outubro
4 de julho : Nascidos em novembro e dezembro
Calendário para saques:
Cada data terá o pagamento do 1º lote da terceira parcela , do 2º lote da segunda parcela e do 4º lote da primeira parcela do auxílio.
18 de julho: Nascidos em janeiro
25 de julho: Nascidos em fevereiro
1º de agosto: Nascidos em março
8 de agosto: Nascidos em abril
15 de agosto: Nascidos em maio
29 de agosto: Nascidos em junho
1º de setembro: Nascidos em julho
8 de setembro: Nascidos em agosto
10 de setembro: Nascidos em setembro
12 de setembro: Nascidos em outubro
15 de setembro: Nascidos em novembro
19 de setembro: Nascidos em dezembro
Fonte: Varela Notícias

quinta-feira, 25 de junho de 2020

VEREADOR PODE PERDER CARGO APÓS CHEIRAR CALCINHA EM SESSÃO VIRTUAL

O vereador de Bragança Paulista Ditinho do Asilo (PSC) pode perder o cargo após ser flagrado cheirando uma calcinha durante sessão legislativa virtual da Câmara Municipal na última terça-feira (23). O vídeo, que tomou as redes sociais nesta quinta-feira (25), mostra o parlamentar manuseando a calcinha enquanto a vereadora Fabiana Alessandri comenta sobre cortes de árvores na cidade. As sessões legislativas em Bragança Paulista estão acontecendo virtualmente em razão da pandemia do novo coronavírus. Vereadores da cidade ouvidos pela reportagem aguardam o posicionamento oficial da presidente da casa, Beth Chedid (DEM), mas afirmaram que, caso não seja tomada uma posição coletiva, devem encaminhar a questão ao Conselho de Ética. "Eu busco hoje uma representação feita por vários vereadores. Caso eu não consiga, vou buscar sozinho", disse à reportagem o vereador Quique Brown (PV). "Eu não vou passar pano para essa história. Você pegar um objeto de fetiche e fazer isso enquanto uma mulher está falando é asqueroso." Nota emitida Câmara diz que a Casa está analisando as imagens e estuda as medidas que podem ser tomadas. De acordo com o regimento da Câmara bragantina, "proceder de modo incompatível com a dignidade da Câmara ou faltar com o decoro na sua conduta pública" é conduta passível de cassação de mandato. O vereador Basílio Zecchini (PSB), que também é advogado, entende que o ato do colega configura quebra de decoro. "Vou propor alterações no regimento para garantir o decoro durante a realização das sessões online, regulamentando a postura que cada vereador deve manter durante as sessões virtuais da Câmara Municipal. Algo que era para ser óbvio, mas que ficou claro não ser", afirmou Zecchini. O vereador Ditinho do Asilo, que é da base do prefeito Jesus Chedid (DEM), no entanto, não teme perder o cargo. "Os nobres pares dessa casa sabem da minha conduta. Eles têm consciência de que não fiz isso aqui para me promover", disse. De acordo com Ditinho, a calcinha era presente de um amigo. "Achei que tinha desligado a minha câmera e meu microfone, mas não procedi corretamente, ficando a câmera aberta. Tratava-se de uma brincadeira e dentro do embrulho havia uma calcinha comprada em sex-shop, muito perfumada. Só peguei a peça íntima porque acreditava que a câmera estava desligada", explica. A reportagem não conseguiu contato com as vereadoras Beth Chedid e Fabiana Alessandri. O espaço está aberto para manifestações.
*ESTADÃO
NUVEM DE GAFANHOTOS: GOVERNO DECLARA EMERGÊNCIA FITOSSANITÁRIA
Nuvem de gafanhotos vista da cidade argentina Córdoba: insetos voam em direção à fronteira brasileira (Governo de Córdoba/Divulgação)
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento declarou estado de emergência fitossanitária no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina devido ao risco de surto da praga Schistocerca cancellata nas áreas produtoras dos dois estados. A portaria com a medida está publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (25).
O estado de emergência tem por objetivo permitir a implementação de plano de supressão da praga e adoção de medidas emergenciais. De acordo com o ministério, a emergência fitossanitária é por um prazo de 1 ano.
A nuvem de gafanhotos está a cerca de 250 quilômetros da fronteira do Rio Grande do Sul com a Argentina. A preocupação das autoridades do setor agropecuário e de produtores rurais é o dano que os insetos possam causar às lavouras e pastagens, se houver infestação.
A dieta do inseto varia, conforme a espécie, entre folhas, cereais, capins e outras gramíneas. Segundo informações repassadas à Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul, a nuvem é originária do Paraguai, das províncias de Formosa e Chaco, onde há culturas de cana-de-açúcar, mandioca e milho.
Em nota, o minstério informou que está acompanhando o fenômeno em tempo real e que “emitiu alerta para as superintendências federais de Agricultura e aos órgãos estaduais de Defesa Agropecuária para que sejam tomadas medidas cabíveis de monitoramento e orientação aos agricultores da região.
De acordo com a pasta, especialistas argentinos estimam que os insetos sigam em direção ao Uruguai. A ocorrência e o deslocamento da nuvem de gafanhotos são influenciados pela temperatura e circulação dos ventos.
O fenômeno é mais comum com temperatura elevada. Segundo o setor de Meteorologia da secretaria gaúcha, há expectativa de aproximação de uma frente fria pelo sul do estado, que deve intensificar os ventos de norte e noroeste, “potencializando o deslocamento do massivo para a Fronteira Oeste, Missões e Médio e Alto Vale do Rio Uruguai”.
A nota diz ainda que o gafanhoto está presente no Brasil desde o século 19 e que causou grandes perdas às lavouras de arroz na Região Sul no período de 1930 a 1940. “No entanto, desde então, tem permanecido na sua fase ‘isolada’, que não causa danos às lavouras.”
O ministério informa que especialistas estão avaliando “os fatores que levaram ao ressurgimento desta praga em sua fase mais agressiva” e que o fenômeno pode estar relacionado a uma conjunção de fatores climáticos.
A Secretaria de Agricultura do Rio Grande do Sul orienta os produtores rurais gaúchos a informar a Inspetoria de Defesa Agropecuária da sua localidade se identificar a presença de tais insetos em grande quantidade.

Fonte: Agência Brasil
BOLSONARO NOMEIA CARLOS ALBERTO DECOTELLI DA SILVA PARA MINISTRO DA EDUCAÇÃO
Bolsonaro anuncia Carlos Alberto Decotelli como novo ministro da ...
O presidente Jair Bolsonaro nomeou nesta quinta-feira (25) Carlos Alberto Decotelli da Silva para ministro da Educação. A escolha do substituto de Abraham Weintraub foi anunciada pelo presidente em sua página no Facebook. A nomeação foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União.
Decotelli foi presidente do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) entre dezembro de 2018 e agosto de 2019, segundo o currículo Lattes do novo ministro -- ou seja, já no governo Bolsonaro. 
Segundo informações divulgadas pelo presidente, Decotelli é bacharel em Ciências Econômicas pela Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), mestre pela FGV (Fundação Getúlio Vargas), doutor pela Universidade de Rosário, na Argentina, e pós-doutor pela Universidade de Wuppertal, na Alemanha.
O novo ministro também é oficial da reserva da Marinha e lecionou cursos para militares.
Decotelli será o terceiro ministro da Educação em um ano e meio de governo Bolsonaro, e não vinha figurando nas listas de cotados para assumir o MEC. Antes dele, ocuparam o cargo Ricardo Vélez Rodríguez e Abraham Weintraub.
Um dos principais desafios que Decotelli deverá encarar é a realização do Enem 2020, que foi adiado devido à pandemia de Covid-19 -- escolas estão fechadas em todo o país. A prova estava prevista para novembro e ainda não teve uma nova data confirmada. O MEC conduz até julho uma enquete com os inscritos para que escolham a nova data da prova.
ANU-BRANCO (MURILO CAMPOS)

O Anu-branco (Guira guira) é uma espécie barulhenta com olhar marcante, perfil excêntrico, plumagem amarelada e crista característica. Ave que pode ser encontrada no meio urbano procurando insetos e pequenos invertebrados em gramados, como o exemplar da fotografia, cujo registro foi feito na Praça do Bosque em 21/06/2020.

(Murilo Campos, 25/06/2020)

SENADO APROVA PEC QUE ADIA PARA NOVEMBRO ELEIÇÕES MUNICIPAIS DESTE ANO
Senado aprova PEC que adia as eleições municipais desse ano para ...
O Senado aprovou nesta terça-feira (23) a proposta de emenda à Constituição (PEC) que adia as eleições municipais deste ano em razão da pandemia do novo coronavírus.
O texto, votado em sessão remota, foi aprovado por 67 votos a 8 no primeiro turno e por 64 votos a 7 no segundo turno. Agora, a PEC segue para a Câmara dos Deputados. Pelo calendário eleitoral, o primeiro turno está marcado para 4 de outubro, e o segundo, para 25 de outubro. A PEC aprovada pelo Senado adia o primeiro turno para 15 de novembro, e o segundo, para 29 de novembro. O adiamento das eleições tem sido discutido pelo Congresso Nacional, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e por especialistas nos últimos meses.
Condições sanitárias O texto-base aprovado foi proposto pelo senador Weverton Rocha (PDT-MA), relator do tema. Além de transferir as eleições de outubro para novembro, a PEC permite ao plenário do TSE definir novas datas para o pleito em cidades que não tiverem condições sanitárias para votação em novembro. O texto define que a decisão pode ser de ofício, isto é, por iniciativa do TSE, ou por questionamento dos presidentes dos tribunais regionais eleitorais (TREs). As autoridades sanitárias deverão ser consultadas. Nesses casos, a data-limite para as eleições será 27 de dezembro de 2020. O TSE deverá dar ciência do novo adiamento ao Congresso Nacional. Caso um estado inteiro não apresente condições sanitárias, o projeto define que o novo adiamento deverá ser definido por meio de decreto legislativo do Congresso. A data-limite também será 27 de dezembro de 2020. Outros pontos Saiba outros pontos previstos na PEC: Registro de candidaturas: O relator, Weverton Rocha, propôs também o adiamento da data-limite para o registro de candidaturas, atualmente prevista para 15 de agosto. Pelo texto, os partidos poderão solicitar à Justiça Eleitoral o registro dos candidatos até 26 de setembro; Convenções: Pelo calendário eleitoral, as convenções devem ser realizadas entre 20 de julho e 5 de agosto. O TSE autorizou a realização das convenções de forma virtual, por causa da pandemia. O relatório de Weverton prevê que as convenções ocorram entre 31 de agosto e 16 de setembro. O texto também prevê a realização das convenções por meio virtual. Prazos Veja a seguir os prazos previstos no texto aprovado:
  • a partir de 11 de agosto: as emissoras ficam proibidas de transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato, sob pena de cancelamento do registro do beneficiário;
  • entre 31 de agosto e 16 de setembro: prazo para a realização das convenções para escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações; até 26 de setembro: prazo para que os partidos e coligações solicitem à Justiça Eleitoral o registro de candidatos;
  • após 26 de setembro: prazo para início da propaganda eleitoral, também na internet; a partir de 26 de setembro: prazo para que a Justiça Eleitoral convoque partidos e representação das emissoras de rádio e TV para elaborarem plano de mídia; 27 de outubro: prazo para partidos políticos, coligações e candidatos divulgarem relatório discriminando as transferências do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (Fundo Eleitoral), os recursos em dinheiro e os estimáveis em dinheiro recebidos, bem como os gastos realizados;
  • até 15 de dezembro: para o encaminhamento à Justiça Eleitoral do conjunto das prestações de contas de campanha dos candidatos e dos partidos políticos, relativamente ao primeiro turno e, onde houver, ao segundo turno das eleições;
  • a diplomação dos candidatos eleitos ocorrerá em todo país até o dia 18 de dezembro, salvo nos casos em que as eleições ainda não tiverem sido realizadas.
*G1
GLOBO ENTRA NA JUSTIÇA PARA IMPEDIR FLAMENGO DE TRANSMITIR JOGOS
Flamengo denuncia fake news publicada por jornal do Grupo Globo
As divergências entre o Grupo Globo e o Flamengo estão cada dia mais intensas, principalmente depois da divulgação da MP 984, que define uma nova regra nas vendas dos direitos de transmissão das partidas de futebol no Brasil
A emissora acionou a Justiça requerendo a tutela antecipada para evitar que o clube do Rio de Janeiro venda os direitos para qualquer outra rede de televisão ou transmita seus jogos do Campeonato Carioca pela internet.
Além disso, a Globo contesta a MP assinada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, alegando que a decisão só foi realizada para atender ao pedido do Flamengo.
Na próxima quarta-feira, 1º de julho, a última rodada da Taça Rio terá a partida entre Flamengo e Boavista.
O mando de campo pertence ao Rubro-Negro. É bem provável que o clube ceda os direitos ou transmita o jogo no canal da instituição no Youtube.
*RENOVA MÍDIA
BOLSONARO SANCIONA LEI QUE PERMITE DOAÇÃO DE REFEIÇÕES NÃO VENDIDAS
O presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei nº 14.016/2020 que autoriza a doação de alimentos e refeições não comercializados por parte de supermercados, restaurantes e outros estabelecimentos. A medida foi aprovada no início do mês pelo Congresso e publicada hoje (24) no Diário Oficial da União.
A lei estabelece que a doação pode ser de alimentos in natura, produtos industrializados e refeições prontas, todos ainda próprios para o consumo humano; que os itens devem estar dentro do prazo de validade e em condições de conservação especificadas pelo fabricante, quando aplicável, e a integridade e segurança sanitária não podem ter sido comprometidas, mesmo que haja danos à sua embalagem. 
Ainda segundo a lei, para serem doados, os alimentos devem ter as propriedades nutricionais mantidas, ainda que tenham sofrido dano parcial ou apresentem aspecto comercialmente indesejável.
A medida abrange empresas, hospitais, supermercados, cooperativas, restaurantes, lanchonetes e todos os estabelecimentos que forneçam alimentos prontos para o consumo de trabalhadores, de empregados, de colaboradores, de parceiros, de pacientes e de clientes em geral.
A doação deverá ser gratuita e, em nenhuma hipótese, configurará relação de consumo. A lei prevê que sejam beneficiadas pessoas, famílias ou grupos em situação de vulnerabilidade ou de risco alimentar ou nutricional. Pelo texto, essa doação poderá ser feita diretamente, em colaboração com o poder público, ou por meio de bancos de alimentos, de outras entidades beneficentes de assistência social certificadas ou de entidades religiosas.
A lei estabelece ainda que, caso os alimentos doados causem danos, tanto o doador como o intermediário somente serão responsabilizados, nas esferas civil e administrativa, se tiverem agido com essa intenção. Já na esfera penal, eles serão responsabilizados somente se comprovado, no momento da primeira entrega, ainda que esta não seja feita ao consumidor final, a intenção específica de causar danos à saúde de outros.
De acordo com a lei, durante a pandemia da covid-19 o governo federal deverá comprar alimentos preferencialmente de agricultores familiares e pescadores artesanais que não podem vender sua produção de forma direta em razão da suspensão de funcionamento de feiras e outros equipamentos de comercialização.
Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência da República explicou que, além de combater o desperdício de alimentos, a medida tem o objetivo de “combater a fome e a desnutrição, valorizar a responsabilidade social e a solidariedade entre os brasileiros e auxiliar a superação da crise econômica e social gerada pela atual pandemia”.
*AGÊNCIA BRASIL

CURTA!