sexta-feira, 4 de outubro de 2019

AMARGOSA: POLÍCIA CIVIL PRENDE HOMEM COM DOCUMENTO FALSO


A Polícia Civil de Amargosa prendeu na tarde de hoje, 04/09/2019, a pessoa de João Vyctor Silveira de Cerqueira, 20 anos, por uso do documento de Cerificado de Registro e Licenciamento de Veículo – CRLV com sinais de adulteração. 

Há alguns meses o João Vyctor estava sendo investigado por policiais do SI da Delegacia de Amargosa, por venda de veículos clonados. Durante esse período, vários veículos com suspeita de serem clonados foram vendidos na Cidade de Amargosa e região pelo acusado. 

O carro clonado é uma adaptação feita no veículo, adulterando as caraterísticas como chassi e placa, fazendo constar informações de outro veículo com a mesma aparência visual, mas em condições legais, chamado de “gêmeo”, trafegando geralmente por Estado diferente do original. Uma das causas mais comum de clonagem é quando um criminoso quer legalizar um veículo roubado. As multas por ventura registrada num veículo clonado, vai para o proprietário do veículo original. 

Em data de 09/06/2019, João Vyctor foi preso na Cidade de Feira de Santana pela PRF por estar na posse de veículo clonado, qual seja veículo Corolla XEI Flex, 2015/2016, de placa policial PJD-9023, o qual, após averiguação se constatou se tratar de veículo roubado. 

Recentemente João Vyctor estava na posse do veículo HB20, de cor prata, de origem ilícita/roubado. Na tarde de hoje, durante a operação policial, João Vyctor foi abordado num Fiat Punto, de placa policial ERI9460 e apresentou o documento CRLV com sinais de adulteração. 

Dentre os sinais de adulteração, os policiais do SI de Amargosa perceberam que o documento apresentado estava com uma cor azul divergente da cor original, sendo que na parte onde devia constar como Estado de BA, havia sido adulterado para o Estado SP. Foram alguns sinais sutis de adulteração, que só uma equipe experiente poderia detectar. Diante das provas apresentadas, João Vyctor confessou a adulteração do documento. 

O veículo Fiat Punto será encaminhado para a perícia de identificação de veículo no DPT, em Santo Antônio de Jesus, para uma análise mais detalhada, com utilização de equipamentos e produtos especiais para detecção de adulteração.  

Quem compra veículo clonado, mesmo sem saber, pode ser preso e processado criminalmente. A Polícia Civil de Amargosa pede as pessoas que compraram veículos a João Vyctor, compareçam espontaneamente a Delegacia de Polícia de Amargosa para ser feita uma vistoria no carro adquirido, demonstrando assim a boa-fé. Quem comparecer espontaneamente não ficará preso, mesmo se na vistoria for detectada se tratar de veículo roubado. 

João Vyctor Silveira de Cerqueira está recolhido na carceragem da Delegacia de Amargosa, a disposição da Justiça Criminal.
FONTE: POLÍCIA CIVIL 
                                                                                                     Outro Olhar Info no WhatsApp
                                                                                                Curta nossa página no Facebook👍🏻
                                                                                                                 Siga nosso Instagram 📷

0 comentários:

CURTA!