segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

"A TORTA DE MORANGO" POR TOSTA NETO


Enquanto isso no WhatsApp...
# Olá Juninho. Boa noite. Tudo bem?
# Olá Dona Luzinete. Estou bem. E a senhora?
# Estou ótima. Pode me chamar de você, afinal, não sou tão velha.
# Está bem.
# Como você está na escola?
# Fui aprovado. Irei para o 2º Ano.
# Parabéns! Você é um bom menino.
# Obrigado Luzinete. (Emojis de riso)
# Qualquer dia, apareça aqui em casa. Estou tão sozinha.
# Combinado. Irei sim.
# Venha! Farei uma torta de morango para você.
# Vou adorar.
# Você vai adorar sim. Vou caprichar na torta.
# Eu adoro torta de morango.
# Você vai adorar outras coisas também.
Pausa no diálogo. Juninho não sabia o que digitar...
# Juninho, não fique envergonhado. Não irei fazer nada. (Emojis de gargalhada)
# Eu sei Dona Luzinete.
# Epa! Dona não. Você.
# Perdoe-me. Acabei esquecendo.
# Eu te perdoo. Sou uma mulher compreensiva. (Emojis de coração)
# Vou ficando por aqui. Boa noite.
# Já vai. A conversa está tão boa. Vá. Depois conversamos mais. Boa noite.
# Abraços.
# Abraços e beijos. (Emojis de beijo e diabinho)
A conversa com Luzinete deixou Juninho pensativo. Os dois moravam na mesma rua. Na infância, ele brincou bastante com o filho de Luzinete. Recentemente, ela se separou; o marido saiu de casa e o filho foi estudar em Salvador. Juninho tem muito respeito por Luzinete. Ele a via como uma tia, mas guardava consigo uma profunda admiração pela sua beleza física.
Uns dias se passaram...
# Cadê você?
# Olá Dona Luzinete. Eu estava um pouco ocupado.
# Dona não. Você. Que dia você vem?
# Não sei. Sei lá. Talvez amanhã.
# Então, amanhã. Às 8h00 da noite.
# Combinado.
# Não falte. A torta de morango estará te esperando. (Emojis de morango e diabinho)
# Até amanhã.
# Até amanhã. Beijos com sabor de morango.
Só de pensar na visita a Luzinete, Juninho sentia um frio na barriga, pois ficaria a sós com aquela mulher atraente. Apesar das trinta primaveras, Luzinete cultivava um corpo escultural. Quando ela passa, rouba a atenção dos homens da vizinhança. Tantas vezes Juninho imaginava algumas ousadias com Luzinete. Diante da expectativa da visita, ele demonstrou serenidade e “apagou” na cama com o sono dos inocentes. Acordou disposto e foi conferir o WhatsApp...
# Bom dia Juninho. É hoje! A torta de morango já está no forno. (Emojis de morango e fogo)
# Bom dia Luzinete. É hoje!
Juninho foi dominado pela ansiedade. O dia se rastejava como uma lesma. Ele imaginava o que poderia acontecer no encontro. Enfim, a noite chegou. O relógio marcava 7h57:
– Boa noite Juninho. Você foi pontual. Parabéns!
– Boa noite Dona Luzinete.
– Dona não. Apenas Luzinete. Entre! Não fique com vergonha.
– Está bem – Juninho foi entrando de forma acanhada.
– Espere-me aqui no sofá. Vou pegar a torta de morango. Não demoro.
– Certo.
Passaram-se longuíssimos 10 minutos. Juninho estava inseguro. Pensava em assuntos que poderia conversar. O pensamento foi interrompido pelo regresso de Luzinete. Ele tomou um susto: ela usava roupão de banho. Desatou devagarinho o nó. Abriu-o. Estava apenas de calcinha:
– Você gostou do meu corpo?
Perplexo, Juninho não conseguiu responder. A cena era surreal. Luzinete usava uma calcinha branca com estampa de morango. Com passos de garça, ela foi aproximando-se até sentar nas pernas dele. Luzinete beijou o garoto com intensidade. Deslizou a língua até o pescoço. Do pescoço até o peito. Do peito até a barriga. Da barriga até...
Enquanto isso no WhatsApp...
# Bom dia Meu Amor.
# Bom dia Luzinete.
# Como você está?
# Estou ótimo. Leve como uma pena.
# Que noite! (Emojis de fogo e morango)
# Gostosa! Você me matou de prazer. (Emojis de fogo)
# Continuarei matando.
# É o que eu mais quero.
# Ah! Você gostou da torta de morango?
# É claro! Adorei! Estava deliciosa, molhadinha e bem quentinha. (Emojis de fogo e morango)
# Fico feliz.
# Que dia tem mais?
# Na próxima semana. Pode deixar. Farei outra torta deliciosa.
# Faça sim. Eu vou me lambuzar.
# Safado!
Algumas semanas se desenrolaram. Juninho não cansava de lambuzar-se na torta de morango. Luzinete, por sua vez, não se entediava de fazer uma torta atrás da outra.
Enquanto isso no WhatsApp...
# Olá Meu Amor. Bom dia.
# Bom dia Minha Gostosa.
# Tenho uma notícia. Talvez você não goste.
# Fale.
# Eu reatei o casamento com meu ex-marido.
# Sem problema Luzinete.
# Grata pela compreensão!
# Mas, qualquer dia, faça novamente para mim a torta de morango. (Emojis de morango)
# Farei sim Meu Amor. Quando surgir uma oportunidade, te aviso.
# Combinado. Vou cobrar!
# Fique à vontade. Saiba que não esquecerei de fazer a torta de morango.
# Hum! Adoro! A torta de morango é muito deliciosa, molhadinha e bem quentinha. (Emojis de fogo e morango)

0 comentários:

CURTA!