quinta-feira, 5 de novembro de 2020

OPERAÇÃO EM SALVADOR E LAURO COMBATE FRAUDES EM TVS POR ASSINATURA E SERVIÇOS DE STREAMING



A Polícia Civil da Bahia realiza na manhã desta quinta-feira (5) a segunda fase da Operação 404, que investiga esquema de pirataria digital. 

 

Mandados são cumpridos em Salvador e Lauro de Freitas, na Região Metropolitana da capital, contra fraudes relacionadas a TVs por assinatura e serviços de streamings.

 

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), a ação, em conjunto com o Ministério da Justiça, ocorre também em outros nove estados. Na Bahia, a operação foi deflagrada pelo Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), através da Coordenação de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro (Dececap), com apoio de equipes da Coordenação de Operações Especiais (COE). 

 

Em todo o país, estão sendo cumpridos 25 mandados de busca e apreensão, além do bloqueio e suspensão de 252 sites e 65 aplicativos de streaming que transmitem filmes, séries e televisão de forma ilegal. A Justiça também determinou a desindexação de conteúdo em mecanismos de busca e a remoção de perfis e páginas em redes sociais.

 

Segundo o Ministério da Justiça, a operação conta com a colaboração das embaixadas dos Estados Unidos e do Reino Unido no Brasil. A força-tarefa, denominada 404, faz referência ao código de resposta do protocolo HTTP para indicar que a página não foi encontrada ou está indisponível.

*BN

0 comentários:

CURTA!