domingo, 4 de julho de 2021

MINISTÉRIO DA SAÚDE NEGA REPASSE DE VACINAS VENCIDAS

O Ministério da Saúde (MS) informou ontem, sexta-feira 2, que não repassou nenhuma dose de vacina vencida contra a covid-19 aos Estados. A divulgação da informação foi motivada pela publicação de uma matéria no jornal Folha de S.Paulo sobre cerca de 26 mil doses de vacinas da AstraZeneca que teriam sido aplicadas após o vencimento. O MS declarou que o prazo de validade os imunizantes é rigorosamente acompanhado desde o recebimento até a distribuição. 

Divergência de informações

Em nota, a prefeitura de Maringá (PR), citada pela reportagem como o munícipio que mais teria aplicado doses vencidas, informou que nenhuma dose fora da validade foi usada. Segundo o secretário de Saúde, Marcelo Puzzi, há divergências no preenchimento de dados no sistema eletrônico do SUS.

A Secretaria de Saúde do governo do Distrito Federal também negou a informação sobre aplicação de vacinas vencidas.

Ontem, a Fiocruz publicou uma nota informando que as doses da vacina AstraZeneca que teriam sido aplicadas fora da validade não foram envasadas pela instituição.


0 comentários:

CURTA!