quarta-feira, 10 de junho de 2020

OPERAÇÃO DA PF DESARTICULA QUADRILHA DE TRÁFICO INTERNACIONAL DE DROGAS EM SALVADOR

[Operação da PF desarticula quadrilha de tráfico internacional de drogas em Salvador]
A Polícia Federal cumpre, na manhã de hoje (10), sete mandados de prisão, sendo seis preventivas e uma temporária, e sete mandados de busca e apreensão. Uma das ordens é cumprida no Estado de Goiás, enquanto as outras 13 são cumpridas em Salvador.
A ação faz parte da Operação Ikaro, que busca desarticular uma organização criminosa estabelecida na Bahia especializada no tráfico internacional de drogas. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Federal da Seção Judiciária de Salvador.
De acordo com a PF, a quadrilha especializada em tráfico tem como principal modus operandi a cooptação de “mulas” para realizar o transporte da droga em voos comerciais para a Europa, sendo a substância, geralmente, escondida na bagagem.
O líder da quadrilha, um baiano de 34 anos, já responde a processos por tráfico e homicídio. Os investigados serão indiciados pelos crimes de organização criminosa e tráfico de drogas.
Ainda segundo a PF, a operação foi deflagrada após a corporação identificar semelhanças nas circunstâncias de sete prisões em flagrante nos Aeroportos Internacionais Luís Eduardo Magalhães, em Salvador, e Antônio Carlos Jobim – Galeão, no Rio de Janeiro, entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano. Na maioria dos casos, tratava-se de casais tentando transportar cocaína para Lisboa, Portugal, de forma oculta em suas malas. Com isso, a PF descobriu o envolvimento de uma mesma organização criminosa em todos os casos, cujos integrantes estão sendo alvo das medidas judiciais.
Durante as investigações apurou-se que cada “mula” que conseguia realizar a viagem recebia aproximadamente 15 mil reais, gerando um lucro superior a meio milhão de reais para a organização criminosa, dependendo da quantidade de droga transportada.
*METRO 1

0 comentários:

CURTA!