sexta-feira, 18 de dezembro de 2020

VÍDEO MOSTRA DEPUTADO PASSANDO A MÃO NO SEIO DE COLEGA DURANTE SESSÃO

A deputada estadual Isa Penna (PSOL) registrou na tarde desta quinta-feira, 17, um Boletim de Ocorrência por assédio sexual e uma denúncia formal por quebra de decoro contra o deputado estadual Fernando Cury (Cidadania). Durante sessão da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), Cury colocou e manteve as mãos em sua cintura, na altura dos seios.

"Não é um lugar em que se encosta, muito menos em uma mulher", afirma a deputada. Um vídeo público da sessão mostra o momento. As imagens mostram que a deputada conversava com o presidente Cauê Macris (PSDB), apoiada no balcão do plenário, quando Cury se aproximou por trás dela.

"Eu estava de costas, só senti a mão dele escorregar na minha lateral. No momento em que eu senti, virei e falei para ele: 'Quem você acha que você é? Você está louco? Passar a mão em mim assim?' E empurrei, tirei a mão dele", relatou Penna ao portal UOL.

Em nota, Arnaldo Jardim, presidente estadual do Cidadania de São Paulo, e Roberto Freire, presidente nacional do Cidadania, condenaram a ação:

"Com relação ao episódio envolvendo o deputado estadual Fernando Cury, o Cidadania analisando as imagens, exige as devidas explicações do parlamentar e encaminha o caso ao nosso Conselho de Ética, para que ouvido o representado, sejam tomadas providências cabíveis e efetivas" disse o comunicado.

"A legenda não tolera qualquer forma de assédio e atuará fortemente para que medidas definitivas sejam adotadas. Temos uma história de luta em defesa dos direitos da mulher que nenhuma pessoa pode macular". Além de Cury, o Cidadania possui apenas outro representante na Alesp, que também é homem.

*A TARDE

0 comentários:

CURTA!