segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

FORD FECHARÁ TODAS AS FÁBRICAS NO BRASIL ATÉ O FIM DO ANO



Ford anunciou nesta segunda-feira, 11, que encerrará as suas atividades no Brasil em 2021 com o fechamento das fábricas em Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Horizonte (CE). Serão mantidas no país apenas as operações do Centro de Desenvolvimento de Produto, na Bahia, o Campo de Provas, em Tatuí (SP), e sua sede regional em São Paulo. 

De acordo com o comunicado, as atividades nas fábricas da Bahia e São Paulo serão fechadas imediatamente, “mantendo-se apenas a fabricação de peças por alguns meses para garantir disponibilidade dos estoques de pós-venda”, enquanto as operações da montadora no Ceará e estenderão até o último trimestre deste ano. 

As atividades no Brasil serão absorvidas pelas fábricas da companhia no Uruguai e Argentina. “Como resultado, a Ford encerrará as vendas do EcoSport, Ka e T4 assim que terminarem os estoques. As operações de manufatura na Argentina e no Uruguai e as organizações de vendas em outros mercados da América do Sul não serão impactadas”, informou a empresa em comunicado.

Segundo Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul e Grupo de Mercados Internacionais, a montadora entrará em contato com os sindicados para debater as demissões. “Trabalharemos intensamente com os sindicatos, nossos funcionários e outros parceiros para desenvolver medidas que ajudem a enfrentar o difícil impacto desse anúncio. Quero enfatizar que estamos comprometidos com a região para o longo prazo e continuaremos a oferecer aos nossos clientes ampla assistência e cobertura de vendas, serviços e garantia. Isso se tornará evidente ao trazermos para o mercado uma linha empolgante e robusta de SUVs, picapes e veículos comerciais conectados e eletrificados, de dentro e fora da região”, afirmou.

Ministério da Economia diz que saída da Ford ‘destoa da forte recuperação’ da indústria no Brasil

Ministério da Economia lamentou a decisão da Ford de fechar todas as fábricas no Brasil até o final do ano nesta. Segundo o comunicado da empresa, divulgado nesta segunda-feira, 11, haverá o fechamento das fábricas em Camaçari (BA), Taubaté (SP) e Horizonte (CE). No país, serão mantidas apenas as operações do Centro de Desenvolvimento de Produto, na Bahia, o Campo de Provas, em Tatuí, no interior de São Paulo, além da sede regional localizada na capital. Em nota, a pasta comandada por Paulo Guedes afirmou que a decisão “destoa da forte recuperação observada na maioria dos setores da indústria no país, muitos já registrando resultados superiores ao período pré-crise”.

*JP


0 comentários:

CURTA!